Visite o Pesquisa Gospel

+-

(A+) (A-)

segunda-feira, 1 de agosto de 2011

Ética na Blogosfera Cristã

Posted by Eliseu Antonio Gomes on segunda-feira, agosto 01, 2011 with 18 comments
Primeiramente, digo que sou um mero observador, não tenho presunção de ditar regras.

Como blogueiro evangélico, eu proponho que façamos uma pequena reflexão sobre as razões de publicar o que publicamos em nossos blogs cristãos.

Com o passar dos dias, cada vez mais nós encontramos nas vitrines das lojas brasileiras computadores com mais avanços tecnológicos e preços menores. Resultado: as vendas vão de vento em popa. Então, é fácil prever que a tendência quanto à popularização da comunicação via Internet é aumentar a participação de cristãos na Blogosfera Evangélica.

Já ouvi alguém fazer um comparativo entre os anos anteriores à invenção de Gutemberg e a popularização dos blogs. Martinho Lutero, com bastante propriedade, fez uso da Imprensa para efetuar a Reforma Protestante. Mas, e os evangélicos do século 21? Qual reforma eles querem fazer ao blogar?

A web é o mundo em versão virtual. É uma janela aberta para o mundo, e o blogueiro acertadamente pressupõe que existe liberdade para se expressar. Mas tenho navegado e lido muitos artigos e às vezes sinto apreensão ao que leio. Infelizmente, tenho a impressão que alguns colegas estão digitando sem ter um editorial definido para comunicar e não estão levando em conta os parâmetros que Jesus Cristo nos deixou, pois os conteúdos parecem não condizer com a favorável condição evangelística que a Internet é para quem é evangélico.

Na Blogosfera Cristã não está surgindo apenas os blogs evangelísticos. Alguns blogs seguem a linha da apologética. As postagens são em tom crítico, são ousadas, mas os autores não levam em consideração que tais mensagens têm público-alvo definido e a Internet é um circuito amplo, é composta de internautas de todas as espécies. Ou seja, leitores que não têm nada a ver com o assunto trombam em icebergs e correm o risco de naufragar.

Em Provérbios 25.11, encontramos a observação de Salomão sobre relacionamento interpessoal. Ele escreveu que as palavras ditas na hora certa são como maçãs de ouro em salvas de prata. É algo elegante se situar no local ideal e agir em tempo oportuno.

Existem muitos usuários da Internet que ainda não tomaram posicionamento quanto a sua condição espiritual. Eles são almas espiritualmente famintas, confusas e sem rumo, são agnósticos e ateus. Necessitam do Pão da Vida, precisam saborear João 3.16 e Atos 4.10. E também há os inimigos da fé cristã.

Na Grande Comissão, a ordem que Jesus Cristo deixou aos discípulos foi evangelizar, fazer discípulos e batizá-los. Mas, infelizmente, alguns blogueiros usam a janela virtual para publicar composições com diversidades de temas, mas nunca criaram um artigo com pauta evangelística. Eles parecem não ter interesse de mostrar aos perdidos como se faz para entrar no céu.

Bogueiros que se intitulam como apologistas da fé, com ética cristã questionável, tão-somente, blogam com a finalidade de criticar irmãos. Qualquer um que se apresente dizendo que aceitou a Jesus Cristo como Senhor e Salvador, mas não pertence à denominação evangélica que eles fazem parte são alvos certeiros de suas palavras duras.

Minha impressão é que eles estão em êxtase, sentem o afã de se expressar às massas incalculáveis de prováveis leitores, almejam ganhar notabilidade e passam por uma onda de catarse. Porém, são blogueiros sem propósito evangelístico. É como aquela pessoa que recebeu uma hora cheia para falar ao microfone, não conhece o perfil dos ouvintes, e não tem nada claro para dizer a eles. Então, o conteúdo da mensagem entregue não é apropriado ao público-alvo. Mesmo que a mensagem seja importante, não será recebida com o grau de importância que possui. Não basta dizer algo acertado, é necessário que a mensagem seja entregue na hora certa e ao público certo também.

Para ser um blogueiro evangélico não basta possuir um computador plugado em banda larga e dominar os segredos das configurações do blog. É necessário ter o que dizer e se fiar sempre pela reta justiça ao falar a Palavra do Senhor. A comunicação constrói e destrói em grandes proporções. O apóstolo Tiago escreveu que a língua tem enorme poder avassalador. A consequência da palavra pronunciada sempre estará muito além do controle e noção de quem a pronuncia ou escreve. Então, no frigir dos ovos, antes de levar sua mão a pressionar a tecla “enviar” releia o texto que escreveu e pergunte-se:

- O que digitei irá salvar almas ou matá-las?

- O que digitei é apropriado para a leitura pública ou apenas para uma reunião ministerial, em porta fechada, da turma de obreiros da minha igreja?

E.A.G.
Reações:

18 comentários:

  1. Valeu pelas oportunas observações, me sinto exortado em parte, uma vez que sou incisivo em expressar o que penso, e posso errar o tom. Estarei mais atento. Só discordo que seja uma questão ética, talvez seja mais de alvo e método. Algumas coisas anti-éticas a meu ver, acontecem quando se desrespeita os direitos de um colega, como ignorar um texto e plantar o link de seu blog, no espaço resevado aos comentários;Prova que nem leu; também me chateio quando dedico uma duas horar para prepar uma mensagem e postada, fica na "janela' principal dois minutos, porque alguém posta cinco textos ao mesmo tempo, quase sempre de outros autores. Não faço nem aprovo tais coisas, mas, infelizmente tem ocorrido bastante.De qualquer modo, grato por suas pertinentes observações, e por cuidares tão bem desse valioso espaço. Abraço, Deus o abençõe sempre. paz.

    ResponderExcluir
  2. Concordo, já entrei em blogs, que o conteúdo era tão difícil de entender e severo que não li o texto inteiro.Temos que pregar sim a palavra, esclarecer as escrituras, tanto para o novos convertidos que estão engatinhando na fé, como para uma pessoa simples e leiga, que talvez nunca tenham lido a Bíblia possa compreender o amor de Deus por nós. Mas numa linguagem atual e acessível para todos.

    ResponderExcluir
  3. Muito bom seu texto e posso dizer mais ainda é precioso. Bato muito nessa tecla e espero que texto como esse circule mais no meio dos blogueiros evangélicos, pois sei que alguns tem certo “zelo” mais lhes faltam a sabedoria e outro não tem zelo nem pelas vidas nem pela obra de Deus.
    Concordo que certos assuntos são como verdadeiros Icebergs que servem muitos mais para naufragar, participo de outra rede agregadora de blogs e lhe digo que algumas vezes fico com vergonha de ver certos temas que não postaria nem para os cristãos, são lançado entre os que ainda não conhecem o amor de Deus. Acho que essas duas perguntas do seu texto devem servir como uma base da postagem de um blog cristão.

    - O que digitei irá salvar almas ou matá-las?

    - O que digitei é apropriado para a leitura pública ou apenas para uma reunião ministerial, em porta fechada, da turma de obreiros da minha igreja?

    Quero sabe se o autor do texto me permite postar esse artigo no meu blog.

    Uma boa noite e uma bela semana.

    ResponderExcluir
  4. Eu também concordo contigo. Existe muito blog e site dedicado a escarnecer dos tropeços dos próprios irmãos. Tenho pra mim que apologética serve para mostrar a excelência da fé cristã, e não expor as falhas a que todos somos sujeitos. Infelizmente tem público para este tipo de coisa. Não digo que não devemos expor as doutrinas erradas, mas não teremos utilidade alguma no Reino se não mostrarmos o caminho mais magnífico.

    Graça e Paz,
    Leandro Teixeira
    Editor do Blog Liberdade é Pensar
    http://liberdadeepensar.blogspot.com

    ResponderExcluir
  5. Internauta de O Farol

    A minha ideia ao postar esse assunto é suscitar reflexões. Mesmo que não concorde em 100% comigo, sinto-me contente que esteja refletindo.

    Abraço.

    ResponderExcluir
  6. Patricia Galis

    A temática que eu não sinto prazer em ler são aquelas de irmãos contra irmãos. Há quem confunda a defesa da fé, com a defesa da denominação em que faz parte. Eu considero isso um equívoco muito infeliz.

    Abraço.

    ResponderExcluir
  7. Irismar Oliveira

    Obrigado pelos elogios ao texto.

    Que bom que pense igual e esteja em atividade indo contra essa onda de blogs evangélicos desfocados do cristianismo.

    O zelo é bom, mas quando está na direção certa. O apóstolo Paulo, antes de se converter era muito zeloso e defendia o judaísmo como facínora. Matava cristãos.

    Você pode copiar este texto, e qualquer outro que encontrar a assinatura E.A.G. - Eliseu Antonio Gomes. Publique os créditos, e tudo bem.

    Abraço.

    ResponderExcluir
  8. Leandro Teixeira

    Exercer apologética é importante. Mas existe o critério bíblico para fazer isso:

    1 - Os apóstolos não criticaram erros de pessoas publicamente

    2 - Pedro não criticou erros dos discípulos sob autoridade de Paulo e nem vice-versa.

    3 - As cartas pastorais, onde encontramos a apologética dos apóstolos, não eram lidas em praças públicas, eram lidas no recinto das igrejas.

    4 - A crítica, se é realmente cristã não aponta apenas erros, aponta também para as soluções do problema. Pois o propósito dela é sempre edificar, não é destruir.

    Abraço.

    ResponderExcluir
  9. OI Eliseu quero te agradecer por permitir postar teu artigo no meu blog o vivendo pela palava. Vou estar postando amanha com todos os créditos, pois colocar os devidos credito nos textos que não são nossos faz parte também da ética que os bloguieors não podem esquecer né,srsrsr?

    Abraço e um bom dia

    ResponderExcluir
  10. A paz e graça do Senhor Jesus, caro amigo e irmão Elizeu Antonio....

    Achei esse artigo muito coerente e muito sábio da sua parte, sobre a ética cristã. Tanto que coloquei em meu blog. O guarda de israel.

    Louvo a Deus pela sua experiência e por deixar o espírito santo de Deus agir.

    Eu tenho postado algumas coisas polêmicas... Como a adesão de um abaixo assinado contra a distribuição do kit gay nas escolas...
    Agreguei o link no ocioso, que foi na faixa de 20.000 (vinte mil) pessoas num só dia. Recebi muitos comentários ofensivos da parte dos integrantes ou simpatizantes do movimento gls; até ameaças de morte, eu recebi. Mas nunca mudei o rumo; sempre tentando conscientizar o mundo de que deus fez Adão e Eva. E não Adão e Ivo, como sugere os sodomitas.

    Pra falar à verdade, eu viso mais o público secular para atentar para meus posts. Neles sempre vão acompanhado de dois folhetos virtuais evangelísticos e plano d salvação.

    Meu blog é polêmico?.. acho que sim... Mas o que parece, não é!.. estou agindo na tática de Paulo.

    Mas de uma coisa é: de que o Senhor me resgatou há 13 anos e jamais sai dos seus caminhos.

    Amigo irmão, eu gostaria que vc visualizasse, meu blog e me desse sugestão em que eu poderia modificar, no blog. Acho que vc é a pessoa ideal para críticas e sugestões.

    Se poder, por favor... me responda através desse email: aldosantosg@gmail.com

    Muito obrigado. Deus é conosco.

    ResponderExcluir
  11. Irismar Oliveira

    Deus te abençoe.

    Fique com Deus.

    ResponderExcluir
  12. Caro Aldo.

    Obrigado por suas palavras amigáveis.

    Penso que polemizar não seja um problema. Talvez, Jesus Cristo seja o maior polêmico de todos os tempos. A questão é o assunto e o enfoque polemizador.

    Assim como você, estou na lista de ameaçados. Ameaçaram me processar por causa de meu engajamento contra a aprovação do PL 122/2006 (causa que milito bem antes de Silas Mala faia). E assim como você, também recebo postagens cheias de ofensas, nada agradáveis de ler.

    O que devemos fazer é orar antes de postar. Fazer orações pedindo a Deus que nos inspire a escrever de acordo com a necessidade das almas de internautas.

    Usando temáticas do cotidiano é possível chamar atenção de quem ainda não é evangélico. O nome de um cantor, o assunto do momento... Ao fazer o artigo, levamos o tema para a perspectiva espiritual e então a mensagem das Boas Novas é entregue.

    Por exemplo, aproveitando-me do relativo sucesso do quarteto de adolescentes, na data de hoje publiquei o artigo A importância do Restart na sua vida , sendo que na verdade o interesse é apontar à importância de Jesus na vida de cada um de nós. É um texto evangelístico, voltado aos não evangélicos. Intercalo postagens assim com postagens aos evangélicos. Dessa forma, vamos levando o blog, desde 12 de junho de 2007 no ar, havendo 1952 posts disponíveis aos internautas.

    A tática de Paulo (1ª Coríntios 9.20-22), “fiz-me de judeus para ganhar judeus, como fraco para ganhar os fracos, de tudo para de todos os meios ganhar alguns”, infelizmente, não é muito bem compreendida pelos cristãos em geral. Mas acho importante usá-la, mesmo sofrendo incompreensão. Na verdade essa estratégia nada mais é do que o caso de empatia, saber se colocar na posição do outro com vista a salvá-lo. Não é se transformar em pecador contumaz para ganhar pecadores, mas usar a linguagem do caído para levantá-lo.

    Na medida das possibilidades, passarei meu parecer sobre seu blog, conforme solicita.

    Abraço, na paz de Cristo.

    ResponderExcluir
  13. Muito legal! Quando comecei a ler este artigo no blog de um irmão querido, logo de início eu pensei este artigo é a cara do Eliseu rsss. Quando cheguei ao final eu vi lá Eliseu Gomes rssss aí, ai, ai.
    Será porque hein?? Muito bom. Paz querido!

    ResponderExcluir
  14. Rô.

    Que bom que a mensagem se multiplica e ler você confirmando isso.

    Fico feliz que reconheça o autor antes de ler o nome dele.

    Abraço.

    ResponderExcluir
  15. Não tem como não reconhecer o que você escreve Eliseu. Foi interessante, quando comecei a lê eu já tinha em mim, parece Eliseu. Paz!

    ResponderExcluir


  16. Esse assunto é recorrente.

    A boa notícia é que de 2006 para cá os blogs no estilo que eu critiquei diminuíram. Até um dos grandes, com bastante visitas está inativo há uns dois anos.

    Sabe, não é nada pessoal contra essa gente...

    Abraço.

    ResponderExcluir
  17. Excelente texto no que diz respeito à ética.
    É comum ver "cristãos" comentando, em sites ditos cristãos, como se fossem do mundo, com linguajar chulo, ofensas, ironias, nem parece que são "crentes ou discípulos de Cristo".
    Pregar o Evangelho e se posicionar contra falsidades ou maus comportamentos com autoridade na Palavra é uma coisa. Agora, palavrões, ... envergonham o Evangelho de Cristo.
    E isso vale para todo tipo de publicação, isto é, de diversos gêneros textuais, e áreas de divulgação.
    No nosso caso, que publicamos na área de Evangelismo, ainda mais, devemos nos comportar com tal: servos de Deus! Até em chats lê-se absurdos que não dá nem vontade de participar.
    Que pena! Ambientes que deveriam ser de formação de opinião e conhecimento acabam por nos desanimar de participar. E é melhor assim, pelo menos não estaremos envergonhando a Jesus.
    A Paz!!!
    Missionária Delair.

    ResponderExcluir
  18. Giovani e Delair.

    Acredito que a melhor opção a ser feita, se encontramos iniciativas que usam o nome de Cristo mas que não sae apresentam como cristã, é não tomar parte.

    Abraço.

    ResponderExcluir

Ensina-nos a contar os nossos dias, de tal maneira que alcancemos corações sábios - Salmos 90.12.

▬▬▬▬▬▬▬

Seu comentário é muito importante para nós da UBE Blogs - União de Blogueiros Evangélicos. Portanto, comente com responsabilidade.

Atenção: Não serão aceitos comentários:

1) Ofensivos
2) Anônimos
3) Em CAIXA ALTA.

Administração UBE Blogs

Postagens populares nos últimos 7 dias

Postagens mais acessadas

Conexão de amizades

Google+ Followers

Categorias

abaixo-assinado Aborto ação coletiva Aconselhamento Pastoral Acordo Ortográfico Adoração Africa alerta Altair Germano ANAJURE ansiedade Antonio Flávio Pierucci Apologética Arminismo e Calvinimo Arrecadação de Impostos artte assuntos atuais Ateísmo atitudes audio-books barbárie Belverede Bíblia Bíblia de Estudo Bibliotecas virtuais biografia Blog do Momento Blogagem Coletiva blogagem profética Blogger Blogosfera Cristã blogueiros Boicote Brasil Cadastro Campanhas Caramuru Afonso Francisco Carla Ribas Carlos Eduardo B. Calvani Carlos Nejar Carlos Roberto Silva Carnaval cartunista cristão casamento cenas da vida CGADB charge Charles Péguy cidadania Cinema Cintia Kaneshigue clamor Como criar e editar um blog? comportamento Comunicados Concurso no blog Concursos conectados em oração Consciência Cristã conscientização Contribuição conversão copa 2014 corporativismo corrupção cosmovisão cristã CPAD CPAD News Creative Commons crianças crianças desaparecidas crime criminalidade Cristofobia Culto de Missões debate Denúncias dependência de Deus Desafiando Limites Desaparecidos Desarmamento Desastres Naturais Descriminalização da maconha Deus. devocional Dia da Bíblia dia da mulher Dia das Mães Dia de Missões Dia dos Namorados Dia dos Pais Dicas dinheiro direitos humanos discurso Divulgação Domingo da Igreja Perseguida dons espirituais Dr. Luis Pianowski Drogas DVD e-book EBD Ecologia e Natureza Editorial educação Eleições Eleições 2014 Eliseu Antonio Gomes ENBLOGUE Enquete ensino Entrevistas Escatologia Escola Dominical Escrita Esdras Costa Bentho Esperança Esportes estatísticas Estudos Etica Etica no Blogar Evangelho Evangelismo Evento exegese bíblica Facebook Família família Cristã Felipe M Nascimento Fidelidade e Infidelidade conjugal filhos filme Filosofia fim do mundo formação de opinião frases e citações Frida Vingren futebol Game Geisa Iwamoto Genivaldo Tavares de Melo George Soros Geremias do Couto Geziel Gomes gif Google Friend Connect Google Plus (G+) governo Graça Guerra Cultural Gutierres Siqueira Haiti Hinários História Holocausto homilética HQ Humor idosos igreja Igreja Perseguida Imagens Cristãs inspiração Integridade Moral e Espiritual Intelectualidade Interatividade intercessão internet Internet Evangélica intolerância Islamofobia Izaldil Tavares de Castro J.T.Parreira Jairo de Oliveira Japão jejum Jesus: O Homem Perfeito Jesus. João Cruzué jogos eletrônicos Johann Sebastian Bach José Wellington Bezerra da Costa Judeus judiciário Júlio Severo Jurgen Moltmann justiça juventude Kelem Gaspar legislação LGBTS liberdade de expressão liberdade de imprensa lição de vida Lições Bíblicas Adulto Lições Bíblicas Jovens liderança literatura livro digital Livros Louvor Lucas Santos Luis Ribeiro Luiz Sayão maconha Magno Malta manifestações copa manisfestação Mantenedores UBE Blogs Manual da UBE Marco Feliciano maridos Marina Silva Mark Carpenter Marl Virkler Marta Suplicy Martinho Lutero mártires Maya Felix Meios de comunicação mensagem mentira Missão Missão Integral missiologia missões morte Motivação mulheres música namoro Natal Nazismo Nietzsche Notícias objetivos opinião oração orientação Orkut ortodoxia Pablo Massolar papel de parede parábola páscoa passatempos pastores Paul Tripp Paul Washer pecado pecaminosidade pena de morte perdão Perseguição política Perseguição religiosa Pinterest PL 122/2006 Plágio planejamento planejar PNDH - 3 poder de Deus Poesia polêmicas Política Pornografia portas abertas Português pregação e pregadores Primavera de Sara profecia profecias maias profeta Promoção Protestantes protesto Rankings Recursos Redes Sociais Reflexão Reforma Protestante remissão Repúdio ressurreição Retrospectiva Revista Cristã REVISTA FORBES Robin Willians Ronaldo Côrrea Sammis Reachers Saúde Pública SBB Selos Senado Federal SENAMI Sentido da vida Sidnei Moura Silas Daniel Silas Malafaia sociologia Sorteios STF suborno super-crente Teatro Tecnologias Televisão Templates teologia Teologia Brasileira teologia da prosperidade testemunho Tim Keller trabalho escravo tradução Tráfico Humano tráfico sexual tragédias tribulações triunfalismo tutoriais Twitter UBE UBE 2007 UBE 2008 UBE 2009 UBE 2010 UBE 2011 UBE 2012 UBE 2013 UBE 2014 UBE 2015 UBE 2016 UBE NA MÍDIA UBEbooks UOL utilidade pública Uziel Santana vaidade Valmir Nascimento Milomen viagem missionária vício Victor Leonardo Vida Cristã vida eterna vida real vídeo Viktor Frankl VINACC Vinicius Pimentel voto voto evangélico Wagner Santos Wallace Sousa wallpaper Wellykem Marinho Wesleianismo Wilma Rejane Wordpress Yosef Nadarkhani Zip Net