Visite o Pesquisa Gospel

+-

(A+) (A-)

sábado, 31 de março de 2012

Felicidade e Realização na Terceira Idade

Posted by Wallace Sousa on sábado, março 31, 2012 with 3 comments

será mesmo que todo idoso age assim?

É Possível Ser Feliz e Realizado na 3ª Idade?

O justo florescerá como a palmeira; crescerá como o cedro no Líbano. Os que estão plantados na casa do SENHOR florescerão nos átrios do nosso Deus. Na velhice ainda darão frutos; serão viçosos e vigorosos, (grifos acrescidos)
Falar sobre motivação na Terceira Idade parece até sem propósito, visto que a  visão que se tem do idoso, no Brasil, beira o desprezo e a humilhação. Para muitos, entrar na 3ª idade se torna motivo de tristeza, angústia e, paradoxalmente, piada. Quase todos já viram ou sabem de reportagens sobre asilos em que idosos foram maltratados e vituperados, sem contar que alguns asilos se tornaram verdadeiros depósitos humanos onde as famílias depositam lá seus estorvos. Será que o ser humano também tem prazo de validade ou grau de obsolescência e não estou sabendo?

Como eu nasci no século passado (milênio passado, para ser mais exato... risos), em alguns anos, se tudo correr bem, claro (rá!), eu devo estar me aproximando dos portões dourados da melhor idade, como dizem alguns. Em meu blog (Desafiando Limites, caso você esteja lendo este post em outro), eu sempre me proponho a motivar as pessoas a enfrentarem e desafiarem seus limites e, na grande maioria das vezes em que recebi um feedback, era de pessoas jovens. Logo, eu não tenho muita experiência para me dirigir aos com muita bagagem de vida, mas vou tentar.

Eu jamais havia parado para pensar que pessoas idosas pudessem precisar ser motivadas, e nem sei explicar bem o motivo de pensar assim. Até que comecei (tardiamente) a ler o excelente livro Nos Desertos da Vida, do pastor e psicólogo Marcelo Aguiar. Foi dele que extraí a inspiração para falar sobre como podemos ouvir melhor a voz de Deus em meio ao deserto

Desta feita, senti que Deus me direcionava a escrever um texto motivacional voltado ao pessoal mais experiente e calejado pela vida. Até me sinto encabulado em escrever algo nesse sentido... Como vou motivar alguém como idade para ser meu avô? (estou aberto a sugestões... risos)

Eis aqui um vídeo altamente inspirador de um distinto senhor que resolveu fazer algo que muitos julgariam impossível, apesar da idade. Trouxe lenço?

Link: http://youtu.be/p404sUHQQOI 


Voltei. Então, se Deus falou, água parou. Vou escrever, mesmo que sirva apenas como exemplo do que NÃO se deve escrever, e que surjam outros textos melhores para que nossos valentes velhinhos (emprestei essa do Pernalonga) desenferrujem as juntas e criem ânimo para viver uma vida saudável e produtiva. Para essa tarefa, vou convocar três velhos conhecidos meus (com o perdão do trocadilho), todos na flor da 3ª idade: Moisés, aos 80 anos; Calebe, aos 85; e João (apóstolo), do alto de seus 90 anos.

É bem capaz de alguém ainda vir me dizer que estou perdendo tempo, porque a expectativa de vida do brasileiro mal ultrapassa os 73 anos! Mas, ser teimoso também tem suas vantagens... risos. Vamos ao que interessa.


Moisés - do anonimato à relevância aos 80 anos!


A vida de Moisés é permeada por acontecimentos extraordinários, a começar pelo começo seu nascimento. Como você deve conhecer bem sua história, mesmo porque Os 10 Mandamentos era reprise quase obrigatória na emissora do plim-plim há alguns bons anos, não precisarei me estender no assunto. E teve também, para os mais jovens, aquele desenho animado (O Príncipe do Egito), mas não tão bom quanto o clássico filme com Charlton Heston, em minha opinião, claro.

Mas, se pudéssemos identificar alguma característica em Moisés que nos desse uma pista do porquê ele se tornou tão importante aos 80 anos, qual seria?

Em primeiro lugar, vale relembrar que Moisés, no auge de seu vigor, aos 40 anos, e candidato potencial na linha sucessória ao trono egípcio, foi relegado à obscuridade quando tentou fazer as coisas por si mesmo. Então, 40 anos depois, aquele que um dia foi príncipe, e agora um simples pastor nômade a serviço de seu sogro, tem uma nova chance. No meio do deserto, Moisés ouviu o chamado de Deus para uma grande obra.

Após tantos anos distante do cenário que marcou sua infância, juventude e início da vida adulta, é perfeitamente compreensível que Moisés tenha relutado em dizer sim ao chamado divino. Mas, é justamente aqui que encontramos o diferencial, aquilo que realmente fez toda a diferença para que Moisés se tornasse um homem realizado: aceitar o desafio de Deus. Claro, o sucesso de Moisés é devido a um concurso de fatores e, claro, não aconteceu do dia para a noite, mas foi se consolidando ao longo do tempo. Todavia, parece claro que o start da vitória foi aceitar a missão que Deus lhe confiou.

Existem muitas pessoas povoando asilos, sentindo-se como se estivessem em desertos, e que poderiam fazer grandes coisas se alguém lhe desse a oportunidade e eles ousassem aceitá-la! É possível realizar grandes feitos, mesmo após os 60, 70 ou 80 anos? A experiência de Moisés nos diz que sim. E, meu caro, se Deus estiver com você, aquilo que é impossível vai se tornar possível. Basta crer, confiar e arregaçar as magas. Se achar um cajado por perto dando sopa, ajuda um bocado... risos

Se calhar de você trombar com uma sarça ardente por aí, está disposto a dizer sim?


Calebe - conquistando o impensável aos 85 anos!


A história de Calebe, apesar de curta se comparada à de Moisés, também é deveras emocionante. Esse homem era considerado um homem de valor antes  de ficar famoso, visto que foi escolhido para ser um dos 12 espias em Canaã. Mas, ele demonstrou seu verdadeiro valor quando não se conformou em ser chamado de gafanhoto e acreditou que era possível conquistar uma vida melhor.

Às vezes, achamos que é importante a forma como os outros nos veem, mas descobrimos que é muito mais importante a forma como nos vemos. Se você se vê como um pequeno gafanhoto, por que achar que a visão que as pessoas terá de você será melhor do que isso? Mas, pelo erro dos outros, Calebe foi penalizado a perambular 40 anos pelo deserto. Sabe, é muito chato quando os outros fazem a besteira e quem paga o pato é você, mas... é a vida, e é assim que a vida é. Você não pode mudar a vida, mas pode fazer a SUA vida melhor. É assim que funciona, e é assim que você deve agir.

E o vento levou tempo passou, e ele saiu do deserto. Mas, tinha um pequeno, mínimo, mísero detalhe: haviam se passado 40 anos... E agora, José Calebe? Há uma terra a ser conquistada e você ainda tem ânimo para isso? Será que dá tempo? Quantos anos você tem agora?

Vamos ouvir o que Calebe tem a nos dizer:
Eu tinha quarenta anos quando Moisés, servo do Senhor, enviou-me de Cades-Barnéia para espionar a terra. Eu lhe dei um relatório digno de confiança, mas os meus irmãos israelitas que foram comigo fizeram o povo desanimar-se de medo. Eu, porém, fui inteiramente fiel ao Senhor, ao meu Deus. [...] E foi há quarenta e cinco anos que ele disse isso a Moisés, quando Israel caminhava pelo deserto. Por isso aqui estou hoje, com oitenta e cinco anos de idade! Ainda estou tão forte como no dia em que Moisés me enviou; tenho agora tanto vigor para ir à guerra como naquela época. (grifos acrescidos) 
Eis o segredo de Calebe, para realizar grandes conquistas:
  1. Não perder a esperança de realizar seu projeto de vida;
  2. Não perder a fé de que Deus vai ajudá-lo a realizar esse projeto;
  3. Não perder o ânimo de querer realizar seu projeto.
Uma das coisas que devem ser ditas sobre a atitude de Calebe é que o vigor e a jovialidade são muito mais um estado mental ou de espírito do que, propriamente, uma condição física. Você deve conhecer muitos jovens desanimados, que se acham sem forças para realizar qualquer tarefa. Ao mesmo tempo, conhece também muita gente de idade que é ativa e dinâmica.  É isso: mantenha sua mente jovem, mesmo que ela esteja dentro de um corpo velho e cansado porque, no fim das contas, é ela (sua mente) quem comanda. Siga o exemplo de Calebe e conquiste sua terra prometida.

Que tal dar uma rejuvenescida em sua mente e resgatar os sonhos perdidos?


João - exilado e esquecido pelos homens, mas não por Deus


O apóstolo João, também conhecido por discípulo amado, por sua comunhão e  intimidade com o Mestre, também havia chegado à terceira idade. Sim, a idade chega para todos, não adianta você tentar fugir disso. Pintar os cabelos, aplicar botox, suavizar as rugas, nada disso atrasa o tempo, apenas disfarça. Há algum tempo, eu tinha apenas alguns cabelos brancos em meio aos pretos. Hoje, a coisa está começando a ficar preta pro meu lado. OH WAIT! Está ficando branca... Sabe, é só uma leve impressão, mas estou desconfiado que eles - os cabelos brancos - vão acabar ganhando essa batalha (contra os cabelos pretos) mais cedo ou mais tarde...

Entenda: quando você nasceu, estava traçada uma linha do tempo para você.  Nascer, crescer, amadurecer e morrer é o normal da vida. Só envelhece quem está vivo, essa é a regra. Se alguém não está envelhecendo, é porque ou não nasceu ou já morreu. Entendeu ou quer que eu desenhe? Você foi projetado para isso, eu fui, seu pai, sua mãe, seu vizinho, seus amigos e até seus inimigos. Envelhecer, ao contrário do que muita gente pensa, não é uma maldição, é uma bênção.

Infelizmente, por conta dos péssimos exemplos que temos visto na sociedade, conforme vamos perdendo a cinturinha de pilão e trocando pela cintura de bujão botijão, deixando de ser modelo da Ford pra se tornar modelo da Brasilgás, naturalmente nós vamos ficando angustiados e amargurados com a vida. Mas, como as frutas, nós também vamos (deveríamos) melhorando conforme amadurecemos. Uma vida bem vivida sempre é uma vida prazerosa, e envelhecer faz parte disso (o amadurecer).

E João, o apóstolo do amor, que era bem jovem na época de Jesus, também envelheceu. A tradição diz que ele tinha mais de 90 anos quando foi lançado na ilha de Patmos. Ele foi a exceção entre os demais apóstolos, já que todos não puderam envelhecer naturalmente ou totalmente. E o que fez a vida de João ser diferente do senso comum, que ficar velho é viver nostálgico com o passado, amargurado com o presente e desiludido com o futuro? Preparado?

João nos deixa uma lição tremenda: ao invés de ficar olhando por cima do ombro para o que ficou para trás, ele levanta esperançosamente seus olhos para o futuro! Sim, João não se deixa dominar pelo saudosismo, ele encarou o futuro de frente e mostrou que sua vida não foi em vão. E é justamente isso que está faltando na vida de muitas pessoas: um senso de propósito, pois quando elas perdem o interesse pelo que há de vir, elas não começam a  envelhecer, elas começam a morrer! E morrer por antecipação.

Você, caro leitor(a), também pode dar um novo sentido a sua vida se pensar no futuro, ver que ainda há muita coisa interessante para acontecer na vida, inclusive na SUA vida! Faça como João, mesmo exilado, e quem sabe você esteja em um asilo agora, não ficou remoendo o passado nem reclamando do presente, ele olhou para frente, ele enxergou o futuro, e que futuro foi aquele! Se João, com mais de 90 anos, foi capaz de ver um futuro promissor, por que você não pode?



Faça de seu asilo uma Patmos, e veja os céus se descortinando em novas cores e sons, com figuras jamais vistas. A grande lição de João foi, mesmo às  portas da morte, deixar um legado permanente, porque ele enxergou o que era eterno.

E você, vai ficar aí parado, vendo a vida passar ou vai sacudir a poeira e dar a volta por cima? Você ainda pode fazer muito, se você
  • disser sim para Deus, a despeito do tamanho do desafio;
  • preservar uma atitude mental positiva, apesar do avançar do tempo; e,
  • olhar com esperança para o futuro, mesmo se a vida parece chegar a um beco sem saída.
Avalie, comente e compartilhe, abençoando outros. Deus te abençoe.


E curta nossa página no Facebook: Desafiando Limites!


www.ubeblogs.net
Reações:

3 comentários:

  1. Fiquei emocionada,realmente precisamos de lenço. rsrs. O manual da vida,(A bíblia) nos coloca sempre em valor, com qualquer idade,diferentemente do manual do mundo.São três exemplos de pessoas que enchem nosso coração de alegria,quantos CALEBES! MOISÉS!e JOÃOS!conheço muitos CALEBES...
    Que Deus abençoe a todas!

    ResponderExcluir
  2. É! E eu aqui esperando a vida passar, por não ter mais tempo! Sofro com o meu envelhecimento! Não consigo aceitá-lo! E sei que é tão rico o envelhecer! Percebo que vivendo dessa maneira, nunca serei grato a Deus pelo dom da vida! Ah! O tempo passa tão rápido e sou cinquentenário...Deus, Pai, perdoe-me em nome de Jesus!

    ResponderExcluir
  3. Sou evangélico, jornalista crítico de esportes , com 66 anos. Ao ler este comentário senti o chamado de Deus para escrever aos jovens ; João escreve em suas Epistolas : jovens vos escrevo porque sois fortes. Aos maduros e aos como eu, idosos . Entre os heróis citados acima, temos que incluir JOSUE, parceiro de Calebe naquela nefasta incursão a Terra que mana leite e mel. Braço direito de Moises. Devemos nos lembrar também que sempre era feito o Conselho dos Anciãos para se tomar uma importante decisão. E você IDOSO (A) , ao invés de ficar ai olhando para o passado, olhe para o presente, pois é ele que nos conduzirá ao futuro, que é morar com Jesus. Jesus está nos chamando a participar da evangelização, das orações, dos cultos, das visitas aos asilos, hospitais e as famílias que precisam de um apoio.
    Transforme o ócio em ação e Deus nos abençoara, acrescentando anos a nossas vidas.
    Luiz Guinatti

    ResponderExcluir

Ensina-nos a contar os nossos dias, de tal maneira que alcancemos corações sábios - Salmos 90.12.

▬▬▬▬▬▬▬

Seu comentário é muito importante para nós da UBE Blogs - União de Blogueiros Evangélicos. Portanto, comente com responsabilidade.

Atenção: Não serão aceitos comentários:

1) Ofensivos
2) Anônimos
3) Em CAIXA ALTA.

Administração UBE Blogs

Postagens populares nos últimos 7 dias

Postagens mais acessadas

Conexão de amizades

Google+ Followers

Categorias

abaixo-assinado Aborto ação coletiva Aconselhamento Pastoral Acordo Ortográfico Adoração Africa alerta Altair Germano ANAJURE ansiedade Antonio Flávio Pierucci Apologética Arminismo e Calvinimo Arrecadação de Impostos artte assuntos atuais Ateísmo atitudes audio-books barbárie Belverede Bíblia Bíblia de Estudo Bibliotecas virtuais biografia Blog do Momento Blogagem Coletiva blogagem profética Blogger Blogosfera Cristã blogueiros Boicote Brasil Cadastro Campanhas Caramuru Afonso Francisco Carla Ribas Carlos Eduardo B. Calvani Carlos Nejar Carlos Roberto Silva Carnaval cartunista cristão casamento cenas da vida CGADB charge Charles Péguy cidadania Cinema Cintia Kaneshigue clamor Como criar e editar um blog? comportamento Comunicados Concurso no blog Concursos conectados em oração Consciência Cristã conscientização Contribuição conversão copa 2014 corporativismo corrupção cosmovisão cristã CPAD CPAD News Creative Commons crianças crianças desaparecidas crime criminalidade Cristofobia Culto de Missões debate Denúncias dependência de Deus Desafiando Limites Desaparecidos Desarmamento Desastres Naturais Descriminalização da maconha Deus. devocional Dia da Bíblia dia da mulher Dia das Mães Dia de Missões Dia dos Namorados Dia dos Pais Dicas dinheiro direitos humanos discurso Divulgação Domingo da Igreja Perseguida dons espirituais Dr. Luis Pianowski Drogas DVD e-book EBD Ecologia e Natureza Editorial educação Eleições Eleições 2014 Eliseu Antonio Gomes ENBLOGUE Enquete ensino Entrevistas Escatologia Escola Dominical Escrita Esdras Costa Bentho Esperança Esportes estatísticas Estudos Etica Etica no Blogar Evangelho Evangelismo Evento exegese bíblica Facebook Família família Cristã Felipe M Nascimento Fidelidade e Infidelidade conjugal filhos filme Filosofia fim do mundo formação de opinião frases e citações Frida Vingren futebol Game Geisa Iwamoto Genivaldo Tavares de Melo George Soros Geremias do Couto Geziel Gomes gif Google Friend Connect Google Plus (G+) governo Graça Guerra Cultural Gutierres Siqueira Haiti Hinários História Holocausto homilética HQ Humor idosos igreja Igreja Perseguida Imagens Cristãs inspiração Integridade Moral e Espiritual Intelectualidade Interatividade intercessão internet Internet Evangélica intolerância Islamofobia Izaldil Tavares de Castro J.T.Parreira Jairo de Oliveira Japão jejum Jesus: O Homem Perfeito Jesus. João Cruzué jogos eletrônicos Johann Sebastian Bach José Wellington Bezerra da Costa Judeus judiciário Júlio Severo Jurgen Moltmann justiça juventude Kelem Gaspar legislação LGBTS liberdade de expressão liberdade de imprensa lição de vida Lições Bíblicas Adulto Lições Bíblicas Jovens liderança literatura livro digital Livros Louvor Lucas Santos Luis Ribeiro Luiz Sayão maconha Magno Malta manifestações copa manisfestação Mantenedores UBE Blogs Manual da UBE Marco Feliciano maridos Marina Silva Mark Carpenter Marl Virkler Marta Suplicy Martinho Lutero mártires Maya Felix Meios de comunicação mensagem mentira Missão Missão Integral missiologia missões morte Motivação mulheres música namoro Natal Nazismo Nietzsche Notícias objetivos opinião oração orientação Orkut ortodoxia Pablo Massolar papel de parede parábola páscoa passatempos pastores Paul Tripp Paul Washer pecado pecaminosidade pena de morte perdão Perseguição política Perseguição religiosa Pinterest PL 122/2006 Plágio planejamento planejar PNDH - 3 poder de Deus Poesia polêmicas Política Pornografia portas abertas Português pregação e pregadores Primavera de Sara profecia profecias maias profeta Promoção Protestantes protesto Rankings Recursos Redes Sociais Reflexão Reforma Protestante remissão Repúdio ressurreição Retrospectiva Revista Cristã REVISTA FORBES Robin Willians Ronaldo Côrrea Sammis Reachers Saúde Pública SBB Selos Senado Federal SENAMI Sentido da vida Sidnei Moura Silas Daniel Silas Malafaia sociologia Sorteios STF suborno super-crente Teatro Tecnologias Televisão Templates teologia Teologia Brasileira teologia da prosperidade testemunho Tim Keller trabalho escravo tradução Tráfico Humano tráfico sexual tragédias tribulações triunfalismo tutoriais Twitter UBE UBE 2007 UBE 2008 UBE 2009 UBE 2010 UBE 2011 UBE 2012 UBE 2013 UBE 2014 UBE 2015 UBE 2016 UBE NA MÍDIA UBEbooks UOL utilidade pública Uziel Santana vaidade Valmir Nascimento Milomen viagem missionária vício Victor Leonardo Vida Cristã vida eterna vida real vídeo Viktor Frankl VINACC Vinicius Pimentel voto voto evangélico Wagner Santos Wallace Sousa wallpaper Wellykem Marinho Wesleianismo Wilma Rejane Wordpress Yosef Nadarkhani Zip Net