Visite o Pesquisa Gospel

+-

(A+) (A-)

sexta-feira, 18 de maio de 2012

A religiosidade sem Deus

Posted by Eliseu Antonio Gomes on sexta-feira, maio 18, 2012 with 36 comments
Por Eliseu Antonio Gomes
Do blog Belverede

É muito triste encontrar pessoas dedicadas à religião, porém, desconhecedoras de Deus, embora acreditem que o conheçam.

O apóstolo Paulo chamou a atenção de todos nós, ao lembrar que o exercício religioso é um potente alimento da carne. Ou seja, nem sempre praticar religião é sinônimo de caminhar no Espírito (Colossenses 2.20-22; Gálatas 5.16-23).

Considero importante a reunião regular em uma igreja, mas jamais o estatuto de uma instituição humana poderá estar em mais alto conceito do que os mandamentos do Senhor. A partir do momento que uma pessoa troca esses valores, ela passa de espiritual para alguém meramente religiosa.

Sou favorável à erudição, porém é preciso lidar com ela com equilíbrio. Há quem valorize mais os diplomas de academia teológica do que as Boas Novas do Senhor. Usam nomenclaturas extrabíblicas - arminianismo, calvinismo, etc - para reprovar a fé alheia.

Religiosos não se dedicam ao crescimento do reino de Deus, mas ao crescimento de uma denominação ou movimento, à expansão de uma ideia ou filosofia. Assim como torcedores de times de futebol empunham bandeiras e usam uniformes, os religiosos torcem por uma placa denominacional e defendem teorias e regras criadas por homens. Ou seja, mesmo portando uma Bíblia não têm o conteúdo bíblico como regra de fé e conduta. Para eles está em primeiro lugar o credo da instituição a que pertencem e não o Evangelho de Cristo que nos ordena amar, mesmo que citem o nome de Jesus e trechos do Antigo e Novo Testamento em seus argumentos.

Os religiosos colocam o ponto de vista humano acima do mandamento do amor a Deus e ao próximo. São portadores de orgulho denominacional. São propensos a agredir, de maneira verbal e às vezes até física, em defesa de seu grupo e interesses. Consideram que esse tipo de falta de amor é prestação de serviço ao Senhor.

Faz um bom tempo que eu decidi parar de conversar sobre as Escrituras Sagradas com religiosos fanáticos, porque percebi que eles consideram todos os discordantes como inimigos.

A minha decisão em parar de conversar com religiosos fanáticos foi porque eles, apaixonados pela causa terrena, perdem a compostura objetivando fazer prevalecer à opinião da religião que estão agregados. Como praticar inimizade os expõe como carnais, douram a pílula usando eufemismo, dizem opinar negativamente em nome da apologia cristã. Dizendo fazer uso da apologética sentem-se livres para classificar desafetos e "concorrentes" como lobos em pele de cordeiro, mercenários e hipócricas.

Leitor (a), todo cuidado é pouco. Não é porque alguém recebe adjetivos de outra, que se apresenta com título de apologista cristão, que de fato o alvo da crítica seja o que é dito que ela é. Não se apresse em deduções e nem se deixe guiar por julgamentos de irmão contra irmão. Existe uma indústria se alimentando com essa pseudo-apologética cristã. São produzidos livros, DVDs, palestras. Há quem esteja ganhando muito dinheiro com a realização de maledicência, julgamentos injustos.

“Nisto todos conhecerão que sois meus discípulos, se vos amardes uns aos outros” – João 13.35.

“O amor não faz mal ao próximo. De sorte que o cumprimento da lei é o amor” – Romanos 13.10.

“Aquele que não ama não conhece a Deus; porque Deus é amor” – 1 João 4.8.

E.A.G.
Reações:

36 comentários:

  1. O ativismo é um problema dentro da igreja moderna. Muitos encaram igreja e denominações como clube com suas marcas. Esse ao meu ver é um grande erro.

    ResponderExcluir
  2. Suas palavras são, de fato, um reflexo do que temos visto no meio 'cristão', já vi muitos textos rebuscados de "teologia humana" (se é que podemos falar assim- de sorte que seria teoantropologia- já que diz tratar das coisas de Deus, porém falam da parte dos homens), onde nem os autores intendem o que falam (Jd. 1:10), falam difícil para complicar mesmo. Desta forma, como salvarão os descrentes, se os doutores não intendem, como os indoutos compreenderão seus textos? Colocam, como você disse, 'o credo da instituição a que pertencem' em primeiro lugar, com isso desprezam o que Jesus quer que realmente tenhamos, o amor verdadeiro. Este amor é que nos leva aos pobres, aos encarcerados, etc... Que nós possamos amar e não ridicularizar. Deus abençoe você meu jovem.

    ResponderExcluir
  3. Hoje em dia isso tem acontecido muito, creio que já estamos no fim dos tempos e que a vinda de Jesus está próxima.
    Hoje temos visto muitas placas de igrejas no mundo todo, mais poucos pregam o real sentido do Amor: Jesus Cristo, muito se vê pregar a telogia da prosperidade, da riqueza,muitos fazem suas próprias doutrinas sem nem se quer olhar para a Palavra de Deus, mais uma coisa tenho em mente e não abro mão, assim como a Palavra de Deus que é verdade diz em João 14:6: Disse Jesus: Eu sou o caminho, a verdade e a vida, ninguém vem ao Pai, senão por mim.
    Deus abençoe a todos.

    ResponderExcluir
  4. Senhor Elizeu bom dia, em certo ponto o senhor está com toda razão. Esiste sim esse tipo de evangélico fanático onde a conversa deles é só sua religião, e muitas vezes façam o uso da religião para outros fins o qual o senhor sitou. Mas esiste o evangélico que talvezes não seja como o senhor disse. Eu pelo menos sou religiosa, uma nova convertida à 1,6 meses, e sigo a minha religião normalmente, procurando ajudar as pessoas que necessitam de ajuda espiritual e mesmo ouitro tipo de ajuda, como por exemplo aos missionários que andam levando a palavra de Deus para as pessoas que necessitam, e através desses missionários vamos praticando o nosso trabalho. Vou lhe fazer uma pergunta mas se não quizer responder não tem problema. Por que o senhor parou de falar sobre a religião com as pessoas? Eu sou religiosa sim, mas não sou nenehuma fanática a ponto de colocar outras coisas acima de Deus, mesmo porque isso já é muita loucura de quem faz isso.

    ResponderExcluir
  5. Simplesmente lindo meu qrido e abençoado! Te amo em Cristo Jesus, que Ele continue te usando com esse talento de se fazer entender com todo carinho e compreensão. Abraços!

    ResponderExcluir
  6. Caro Eliseu!
    Peço um esclarecimento - no parágrafo que inicia assim: Religiosos não se dedicam ao crescimento do reino de Deus; no meio deste parágrafo existe uma outra frase que diz: Ou seja, mesmo portanto uma Bíblia não têm o conteúdo bíblico como regra de fé e conduta.
    A minha dúvida é esta: no lugar de portanto não seria portando?
    Com relação ao conteúdo do artigo quero dizer que concordo com o publicado, pois nos dias atuais o ser humano esta mais propenso a buscar a religião do que o próprio Deus.
    Caro Eliseu não leve a mal o meu pedido de esclarecimento, a intenção não é a de corrigir e nem poderia ser, pois não me sinto capaz para tal coisa.

    ResponderExcluir
  7. Graça e Paz amado irmão, realmente as nossas atitudes para com o nosso próximo precisa ser de amor, Deus o Senhor nos amou de tal maneira que entregou seu filho Jesus Cristo para nos salvar. Que possamos refletir as nossas atitudes e fazer como deus o Senhor fez que foi nos amar.

    Fica na paz!
    Rosngela

    ResponderExcluir
  8. Louvado seja Deus!
    Muito oportuno este tema,porque nos dias de hoje vemos muitos cristãos preocupados com doutrinas criadas pelo homem do que a doutrina pregada por Jesus,amaras a o teu próximo como a ti mesmo. Mas parece que as vezes encontramos irmãos mais preocupados até mesmo com as vestes dos outros do que com a sua conduta diante de Deus,não aquele esta sem a presença do Senhor por que não estava de gravata,como se Deus estivesse na gravata do ungido do Senhor.Quantas vezes ouvi julgamentos a respeito de irmãos que não tem estudos teológicos,ele não tem condições.Mas e eu sera que tenho? com certeza se eu ficar julgando os meus irmãos não.Mas se eu colocar minha vida na presença do Senhor sim,porque tudo posso naquele que me fortalece.Porque se não fosse assim o que seria dos Apóstolos,que seria de nós,como o evangelho teria chegado até nós se não fosse os Apóstolos,quantos homens rudes sem nenhum conhecimento sem nenhum estudo,mas com o amor de Jesus que aprenderam com o Mestre, e foram forjados no caminho no dia a dia lado a lado com Jesus, em quanto aqueles estudiosos escribas eram doutores na lei mas não conheciam ao Pai.E ficavam condenando a Jesus por Ele pregar o verdadeiro amor.

    ResponderExcluir
  9. Realmente irmão, tenho visto muito deste mal atualmente, principalmente na blogosfera cristã. Muitos blogs se preocupam mais em discutir questões secundárias do que pregar o evangelho para a salvação e regeneração de vidas. Não que estes assuntos não sejam importantes, mas devem ser colocados na sua devida ordem de prioridade, senão coaremos um mosquito e engoliremos um camelo.
    No temor do Senhor, Daniel.

    ResponderExcluir
  10. Tema apropriado para a nossa realidade atual, Jesus veio para gerar esperança e alegria no coração humano, nós somos privilegiados por termos a certeza da salvação garantida por Cristo Jesus, a todos que o aceitarem como único e suficiente Salvador. Religião não salva, mas é conveniente que sejamos membros de uma igreja que tenha como manual de regra de fé e prática a palavra de Deus que é a Bíblia. Convido vocês a visitarem blog da minha igreja que eu administro http://ibpsjp.blogspot.com.br/.

    ResponderExcluir
  11. Concordo plenamente com seus comentários. São bem claros e realistas. Desde que os líderes denominacionais resolveram trocar o IDE pelo VINDE o cristianismo em si perdeu sua identidade e o Evangelho se tornou refém dos milagres, ou seja, não se anuncia a OBRA DA CRUZ como graça de Deus para a libertação do poder do Pecado, mas, como apenas uma Benção que tem por finalidade resolver os problemas das pessoas.
    Entendo que seja necessário uma decisão rápida e precisa dos verdadeiros cidadãos do Reino, para colocar o "trem do cristianismo de volta aos trilhos originais.
    Abraços.
    Fabio,cristaodebereia.blogspot.com
    Obs:Estarei postando esse artigo em meu blog.

    ResponderExcluir
  12. Fato é que, mesmo dentro das igrejas ditas cristãs, há muitas adesões mas poucas genuínas conversões. Muitos apenas mudaram de igreja, ou passaram a frequentá-la, mas permanecem amarrados às tradições, às doutrinas de homens e à religiosidade vã.

    ResponderExcluir
  13. "Mas olhando para Jesus autor e consumador da fé..." Sempre falo que o importante é: Aquele que morreu na cruz, por todos nós, se ficarmos cuidando de um e do outro esqueceremos do principal: que cada um cuide-se para que o vosso nome esteja escrito no Livro Da Vida...

    ResponderExcluir
  14. Primeiro: A mensagem da CRUZ é simples! Muitos estão mais preocupados com aquela ou outra denominação, e a maneira ou forma que levam a Palavra de Deus a outras pessoas. É indispensável que doutrina denominacional seja firmada ao crivo das Escrituras.
    SEGUNDO: Combater o mal interior, aquele que acontece na "nossa" igreja (templo físico e espiritual). É dada muita ênfase ao "falso" ao "outro evangelho", quando deveríamos PRIMEIRAMENTE valorizar o VERDADEIRO, levar a Palavra da Salvação àqueles que não professam o nome de JESUS CRISTO SALVADOR!
    TERCEIRO: Não perdemos tempo com pessoas ou denominações que não tem a acrescentar... Cuidemos de nossas ovelhas, oremos mais e mais... e sigamos para o alvo que é JESUS!

    ResponderExcluir
  15. A paz abençoados

    Diante do exposto acima, imagino é quero acreditar que é tempo de deixarmos as nossas diferenças de lado e anunciarmos o evangelho de Cristo puramente. Mostrando ao mundo a nossa identidade de servos e servas do Mestre, amando-nos uns aos outros como Ele mesmo nos ensinou (Jo 13:35).
    Não adianta procurarmos falhas, para acusar e apontar os erros, deixemos isso para os inimigos de nossas almas. Este é que instiga a desavença, a desunião, pois sabe que um reino dividido jamais subsistirá (Mt 12:25).
    É tempo de união entre o que professam a fé em Cristo, e que este fato que tanto alegra nosso Deus, tenha início com os líderes de igrejas. Pois, a igreja que Ele vem buscar, não á a igreja "A" ou igreja "B", mas a Igreja dele, resgatada com seu precioso sangue. Aleluia!
    Enfim, não vamos perder tempo nos gladiando, para ver quem tem razão. Vamos pregar o evangelho de Cristo e ganhar almas para o seu reino.Amém!

    Aproveitando, caso irmãos possam acesse meu blog em fase de construção. Sua sugestão é importante para aprimorá-lo. Agradeço. Blog: http://marciopregador.blogspot.com

    Que Cristo abençoe a todos os santos.

    ResponderExcluir
  16. maravilha precisamos de mas gente tratando deste assunto pois é muito importante para concientizar os irmãos que devemos promover o reino de Deus e não as nossas marcas ou denominações que é irrelevante em vista da grandeza do evangelio do Senhor Jesus ao qual deveriamos ser ativista contumás para a promoção da obra maravilhosa de Deus.

    ResponderExcluir
  17. O assunto é pertinente e da última hora. Vemos igrejas pregando absurdos e levando milhares à perdição. Muitos buscam as igrejas grandes acreditando ser essas igrejas abençoadas devido a sua riqueza. Confundem os incautos com pregações emocionais e a busca da prosperidade, iludem seus fiéis com falsas promessas e vemos se formar, na verdade, a verdadeira igreja de Cristo que, segundo o livro de Apocalipse, é pequeno o rebanho do Senhor. Deus salve o Mundo.
    Pr. Ângelo Medrado www.primeiraigrejavirtual.com.br
    Igreja Batista Avivada
    Brasilia-DF

    ResponderExcluir
  18. Graça e paz do Senhor Jesus a todos.
    Irmãos, vejo comumente muitos irmãos servindo ao Senhor, e isso é muito bom, porém necessitamos com urgência modificar o objetivo pelo qual estamos servindo ao reino de Deus.Uns servem para terem galardão, outros servem para garantirem seu arrebatamento, outros ainda ,infelizmente servem a Cristo para serem notados,mas muito poucos servem ao Senhor Jesus e o Reino pela verdadeira e única motivação. Por amarem ao Senhor Jesus, simplesmente por amarem e serem gratos a Ele.O Senhor nos ensinou:
    JOÃO (cap. 14)·
    21 Aquele que tem os meus mandamentos e os guarda, esse é o que me ama; e aquele que me ama será amado de meu Pai, e eu o amarei, e me manifestarei a ele.

    ·JOÃO (cap. 14)·
    24 Quem não me ama, não guarda as minhas palavras; ora, a palavra que estais ouvindo não é minha, mas do Pai que me enviou.
    E sabemos que o maior mandamento é o amor, amar a Deus e ao próximo. Quando entendermos isso e esse sentimento se manifestar em nós pelo Espírito Santo estaremos servindo ao Senhor Jesus simplesmente por ama-lo.E tudo acontecerá como Ele profetizou. Amém.

    ResponderExcluir
  19. Olá parabéns pelo texto, a quem diga que o discurso de Jesus é valido, mas que o problema reside no que os seus “fãs” [fanáticos seguidores] fazem com ele.

    Muitos entendem do evangelho como aquilo que eles entendem por sua denominação, muitos reduzem cristo a uma mera expressão religiosa, não sabendo que ele é maior que a igreja e maior que a bíblia.

    ResponderExcluir
  20. EM PARTE O CREIO.Como nem tudo q brilha é ouro nem todo apologista é verdadeiro,lamentavelmente,há os que usam a internete e outros meios para se beneficiar,para se autovulgar emfim há muita sdissenções,como escreveu Paulo aos coríntios [1 Co 1v11}.Porem nós não podemos abrir mão daqueles que nos avisam,sobre as falsas doutrinas,precisamos discernir bem entre o justo e o ímpio,entre o que serve a Deus eo que não o serve [ml 3v18}pois muitas vezes,eles são muito parecidos.http://assembleiadedeusemacaoangical.blogspot.com

    ResponderExcluir
  21. Dieimison de sousa sobraldomingo, maio 20, 2012

    isso é uma coisa muito interessante, podemos ver que muitos crentes, só estao na igreja por medo do inferno.
    na hora da adoração vc nao o ver nem dar um gloria a DEUS, é lamentavél essa situação.

    ResponderExcluir
  22. Amado irmão, continue escrevendo assim, para despertamento de todos nós. Li o comentário de vários irmãos e vi a insatisfação de alguns diante do que você escreveu, mas também vi que a satisfação foi em maior escala. Como falou o Pr. Orlando sobre o que Paulo escreveu na 1 carta aos Corintios, eu ratifico.
    Portanto, siga em frente, e o Senhor seja contigo iluminando a tua mente e te enchendo de graça e de sabedoria para engrandecimento do reino de Deus.
    Abraços,
    Aldenora

    http://mulherpresentededeus.blogspot.com

    ResponderExcluir
  23. Infelizmente isso acontece, que pena, muitas pessoas nunca vão saber como é precioso ter experiencias com Deus, experiencias essas que vão além de uma reunião denominacional. Mas a palavra de Deus ao meu ver não é para ser discutida, e sim vivida e ensinada se cair em boa terra dará frutos senão.. fogo.

    ResponderExcluir
  24. Guiomar (19 de Maio de 2012 – 10h41)

    Prezada irmã e m Cristo.

    Ao citar fanáticos no texto, tomei cuidado para não generalizar. Caso isso não tenha ficado claro, me desculpe.

    Muitos anos atrás, ao me converter eu senti na pela a ação de religiosos fanáticos ao começar a evangelizar um colega de trabalho. Eram duas pessoas de religiões diferentes. Um era cristão de uma denominação exclusivista (apregoam que só sendo membro dela a alma alcança o céu) e o outro pertencia a uma seita. Eu tive que orar muito pedindo calma e sabedoria a Deus, pois ambos confundiam a cabeça da pessoa evangelizada por mim. Graças a Deus que fui ouvido, hoje essa alma está firme na fé, é obreiro da Assembleia de Deus, músico e tesoureiro em sua congregação.

    Deus abençoe você.

    ResponderExcluir
  25. Para Renato Cunha (19 de Maio de 2012 – 10h46)

    Caro Renato, não se preocupe. Seu aviso não foi recebido por mim como uma iniciativa negativa. Obrigado pela preocupação.

    Escrevi o texto diretamente na página do blog, devido as muitas atividades, querendo otimizar meu tempo.

    Abraço.

    ResponderExcluir
  26. Aos participantes em geral.

    Agradeço cada uma das pessoas que se manifestaram e que vierem a se manifestar.

    As considerações que apresentaram são relevantes, e concordo com todos.

    Abraços, na paz de Cristo.

    ResponderExcluir
  27. A paz em Cristo a todos os leitores!

    É de comum acordo em todos os comentários até o momento, a pertinência e veracidade do tema, muito bem abordado pelo irmão. Mas me sinto impelido (talvez pelo Espírito de DEUS) a solicitar uma reflexão dos irmãos.
    Digo isso por que estou cansado de ver ministrações e de ministrar a palavra de DEUS com exortações, buscando melhorar nosso relacionamento com ELE, e os expectadores (deveriam ser participantes) balançam suas cabeças concordando com tudo, mas ao findar da reunião voltam exatamente para suas praticas antigas.
    Não vejo sentido nesse modelo de vida cristã, totalmente contaminado pelo mundanismo atual.

    Jesus nos chamou para sermos diferentes! Diferentes do mundo e de toda regra que esse mundo estabelece!

    http://albervan.wordpress.com/

    ResponderExcluir
  28. Olá!!
    Graça e Paz de Deus.
    Uma realidade esse texto, muitas igrejas com muitos ministros do evangelho que primam pelos paradigmas denominacionais e que com isso afastam os novos convertidos, eu estive por algum tempo em uma igreja, que não citarei em nome da ética, e nela estive por algum tempo e nunca conseguiamos crescer por causa desses costumes que afastavam as pessoas, roupas, hábitos e preconceito dentro da igreja, infelizmente.

    Visitem e comentem o blog onde ministro a palavra de Deus.

    http://palavrabencoadora.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  29. CREIO QUE FALAR MUITO SERÁ CHOVER NO MOLHADO, MAS TENHO FICADO APAVORADO POIS HOJE TEMOS TIDO A IMPRESSÃO QUE A PALAVRA DO SENHOR ESTÁ SELADA COM SETE CHAVES, POIS POR MAIS QUE PREGUEMOS, QUE EXPOMOS AS VERDADES BÍBLICAS ANUNCIADAS POR JESUS E POR SEUS APÓSTOLOS, AS PESSOAS PARECEM NÃO ENTENDER NADA. É DURO VER PESSOAS NOS PROCURANDO COM FOTOGRAFIAS DE PARENTES, COM OBJETOS PESSOAIS PARA QUE OREMOS POR ELES.
    CRISTIANISMO É VIDA QUE NASCE DA MORTE, É VIDA QUE TRÁS O PERDÃO, É MUITO MAIS QUE UMA RELIGIÃO, É CRISTO VIVENDO EM VOCÊ, ASSIM DIZ A CANÇÃO.
    CRISTIANISMO É VIDA DIÁRIA DE COMUNHÃO COM JESUS, É RELACIONAMENTO PESSOAL COM DEUS, INDEPENDE DE LUGAR, DE CONDIÇÃO SOCIAL, DE RÓTULO, INDEPENDE DA CULTURA QUE TENHAMOS.
    O DIÁLOGO DE JESUS COM A MULHER SAMARITANA NOS DEIXA CLARO ISSO, QUANDO ELA SUGERIU O LUGAR QUE DEVERIA ADORAR, JESUS DISSE NEM NESTE MONTE NEM EM JERUSALÉM, MAS OS VERDADEIROS ADORADORES ADORARÃO "AO PAI" EM "ESPÍRITO E EM VERDADE". ISSO É FRUTO DE UM ENCONTRO COM O CRIADOR.
    RELIGIÃO É UM ESFORÇO DO HOMEM PARA ALCANÇAR DEUS, E ELE JAMAIS O ALCANÇARÁ, MAS CRISTIANISMO É ALGUÉM QUE FOI ALCANÇADO PELO BRAÇO FORTE DE JEOVÁ ATRAVÉS DE REVELAÇÃO DE JESUS CRISTO DENTRO DO SEU CORAÇÃO, ISTO É UM MILAGRE, MAS AURÉLIO BUARQUE DE HOLANDA CHAMA NO SEU DICIONARIO DE FANATISMO.
    MAS, SE DEUS É POR NÓS, QUEM SERÁ CONTRA NÓS?

    ResponderExcluir
  30. Creio que falar muito será chover no molhado, mas tenho ficado apavorado pois hoje temos tido a impressão que a palavra do senhor está selada com sete chaves, pois por mais que preguemos, que expomos as verdades bíblicas anunciadas por Jesus e por seus apóstolos, as pessoas parecem não entender nada. É duro ver pessoas nos procurando com fotografias de parentes, com objetos pessoais para que oremos por eles.
    Cristianismo é vida que nasce da morte, é vida que trás o perdão, é muito mais que uma religião, é cristo vivendo em você, assim diz a canção.
    Cristianismo é vida diária de comunhão com Jesus, é relacionamento pessoal com Deus, independe de lugar, de condição social, de rótulo, independe da cultura que tenhamos.
    O diálogo de Jesus com a mulher samaritana nos deixa claro isso: quando ela sugeriu o lugar que deveria adorar, Jesus disse: nem neste monte nem em Jerusalém, mas os verdadeiros adoradores adorarão "ao Pai" em "espírito e em verdade".
    Religião é um esforço do homem para alcançar a Deus, e através deste esforço jamais o homem poderá alcançá-lo, mas Cristianismo é o braço de um Deus Santo e amoroso alcançando o pecador perdido através do seu filho Jesus Cristo, produzindo vida no seu coração, produzindo reconciliação, produzindo perdão, produzindo um novo nascimento, produzindo uma renovação no entendimento, transformando a mente suja e pecaminosa em uma mente santa, Paulo chega a dizer que temos a mente de Cristo, isto é um milagre, é Deus se revelando ao indivíduo e mudando seus valores.
    A isto Aurélio Buarque de Holanda chama de fanatismo, mas, se Deus é por nós, quem será contra nós?

    ResponderExcluir
  31. O pior é que a pessoa usa a religiosidade pára agredir outra pessoa que discorde:usar DEUS para se afirmar.

    ResponderExcluir
  32. Nos dias atuais é preciso que haja um despertar de todos nós para essa grande realidade a igreja somos nós, e não o ajuntamento feito no templo; e como igreja precisamos nos colocar estar prontos a acolher todos os quantos se achegarem a nós, pois Cristo veio salvar a todos e não apenas uma elite donominacional

    ResponderExcluir
  33. Excelente matéria, infelizmente vivemos dias em que a religiosidade tem tomado conta de nossas igrejas, pastores formados em teologia que mesclam com a filosofia suas pregações preparadas sem inspiração do Espirito Santo.
    Infelizmente...!
    Pr. Marcos Cornelio.

    ResponderExcluir
  34. eu concordo com o que foi citado. e tambem comcordo com o que a ube citou no primeiro capitulo. e com tudo que foi dito, eu vou analizar tudo e deixar um comentario. min perdoe por nao comentar agora!

    ResponderExcluir
  35. Acredito que esse é um tempo em que Deus nos traz grandes verdades através de homens e mulheres que estão dispostos a visualizar isso. O ativismo dentro dos grupos cristãos gera essa tal religiosidade, tirando todo o foco e propósito dado por Jesus Cristo. Dias em que temos sido tocados com o verdadeiro fogo do Espírito Santo, capaz de nos fazer repudiar tais carnalidades e buscarmos viver em favor do REINO. PARABÉNS PELO ARTIGO. Paz do Senhor Jesus seja com todos.

    ResponderExcluir
  36. Irmão Eliseu, muito oportuno!
    Estou concordando plenamente com suas afirmações. No dia 24/11/2011, coloquei em meu blog uma postagem com o título "RELIGIOSO-CRISTÃO-CRENTE", e afirmei que por causa das religiões, muitas pessoas tem cometido até crimes; assim sendo a religião tem afastado os homens de Deus. Com quanto que a religião é para MOSTRAR que Cristo é quem RELIGA O ELO QUEBRADO por Adão lá no Édem.
    Leiam a postagem: http://hellyero-nawtslife.blogspot.com.br/2011/11/religioso-cristao-crente.html#links
    Abraços fraternais.

    ResponderExcluir

Ensina-nos a contar os nossos dias, de tal maneira que alcancemos corações sábios - Salmos 90.12.

▬▬▬▬▬▬▬

Seu comentário é muito importante para nós da UBE Blogs - União de Blogueiros Evangélicos. Portanto, comente com responsabilidade.

Atenção: Não serão aceitos comentários:

1) Ofensivos
2) Anônimos
3) Em CAIXA ALTA.

Administração UBE Blogs

Postagens populares nos últimos 7 dias

Postagens mais acessadas

Conexão de amizades

Google+ Followers

Categorias

abaixo-assinado Aborto ação coletiva Aconselhamento Pastoral Acordo Ortográfico Adoração Africa alerta Altair Germano ANAJURE ansiedade Antonio Flávio Pierucci Apologética Arminismo e Calvinimo Arrecadação de Impostos artte assuntos atuais Ateísmo atitudes audio-books barbárie Belverede Bíblia Bíblia de Estudo Bibliotecas virtuais biografia Blog do Momento Blogagem Coletiva blogagem profética Blogger Blogosfera Cristã blogueiros Boicote Brasil Cadastro Campanhas Caramuru Afonso Francisco Carla Ribas Carlos Eduardo B. Calvani Carlos Nejar Carlos Roberto Silva Carnaval cartunista cristão casamento cenas da vida CGADB charge Charles Péguy cidadania Cinema Cintia Kaneshigue clamor Como criar e editar um blog? comportamento Comunicados Concurso no blog Concursos conectados em oração Consciência Cristã conscientização Contribuição conversão copa 2014 corporativismo corrupção cosmovisão cristã CPAD CPAD News Creative Commons crianças crianças desaparecidas crime criminalidade Cristofobia Culto de Missões debate Denúncias dependência de Deus Desafiando Limites Desaparecidos Desarmamento Desastres Naturais Descriminalização da maconha Deus. devocional Dia da Bíblia dia da mulher Dia das Mães Dia de Missões Dia dos Namorados Dia dos Pais Dicas dinheiro direitos humanos discurso Divulgação Domingo da Igreja Perseguida dons espirituais Dr. Luis Pianowski Drogas DVD e-book EBD Ecologia e Natureza Editorial educação Eleições Eleições 2014 Eliseu Antonio Gomes ENBLOGUE Enquete ensino Entrevistas Escatologia Escola Dominical Escrita Esdras Costa Bentho Esperança Esportes estatísticas Estudos Etica Etica no Blogar Evangelho Evangelismo Evento exegese bíblica Facebook Família família Cristã Felipe M Nascimento Fidelidade e Infidelidade conjugal filhos filme Filosofia fim do mundo formação de opinião frases e citações Frida Vingren futebol Game Geisa Iwamoto Genivaldo Tavares de Melo George Soros Geremias do Couto Geziel Gomes gif Google Friend Connect Google Plus (G+) governo Graça Guerra Cultural Gutierres Siqueira Haiti Hinários História Holocausto homilética HQ Humor idosos igreja Igreja Perseguida Imagens Cristãs inspiração Integridade Moral e Espiritual Intelectualidade Interatividade intercessão internet Internet Evangélica intolerância Islamofobia Izaldil Tavares de Castro J.T.Parreira Jairo de Oliveira Japão jejum Jesus: O Homem Perfeito Jesus. João Cruzué jogos eletrônicos Johann Sebastian Bach José Wellington Bezerra da Costa Judeus judiciário Júlio Severo Jurgen Moltmann justiça juventude Kelem Gaspar legislação LGBTS liberdade de expressão liberdade de imprensa lição de vida Lições Bíblicas Adulto Lições Bíblicas Jovens liderança literatura livro digital Livros Louvor Lucas Santos Luis Ribeiro Luiz Sayão maconha Magno Malta manifestações copa manisfestação Mantenedores UBE Blogs Manual da UBE Marco Feliciano maridos Marina Silva Mark Carpenter Marl Virkler Marta Suplicy Martinho Lutero mártires Maya Felix Meios de comunicação mensagem mentira Missão Missão Integral missiologia missões morte Motivação mulheres música namoro Natal Nazismo Nietzsche Notícias objetivos opinião oração orientação Orkut ortodoxia Pablo Massolar papel de parede parábola páscoa passatempos pastores Paul Tripp Paul Washer pecado pecaminosidade pena de morte perdão Perseguição política Perseguição religiosa Pinterest PL 122/2006 Plágio planejamento planejar PNDH - 3 poder de Deus Poesia polêmicas Política Pornografia portas abertas Português pregação e pregadores Primavera de Sara profecia profecias maias profeta Promoção Protestantes protesto Rankings Recursos Redes Sociais Reflexão Reforma Protestante remissão Repúdio ressurreição Retrospectiva Revista Cristã REVISTA FORBES Robin Willians Ronaldo Côrrea Sammis Reachers Saúde Pública SBB Selos Senado Federal SENAMI Sentido da vida Sidnei Moura Silas Daniel Silas Malafaia sociologia Sorteios STF suborno super-crente Teatro Tecnologias Televisão Templates teologia Teologia Brasileira teologia da prosperidade testemunho Tim Keller trabalho escravo tradução Tráfico Humano tráfico sexual tragédias tribulações triunfalismo tutoriais Twitter UBE UBE 2007 UBE 2008 UBE 2009 UBE 2010 UBE 2011 UBE 2012 UBE 2013 UBE 2014 UBE 2015 UBE 2016 UBE NA MÍDIA UBEbooks UOL utilidade pública Uziel Santana vaidade Valmir Nascimento Milomen viagem missionária vício Victor Leonardo Vida Cristã vida eterna vida real vídeo Viktor Frankl VINACC Vinicius Pimentel voto voto evangélico Wagner Santos Wallace Sousa wallpaper Wellykem Marinho Wesleianismo Wilma Rejane Wordpress Yosef Nadarkhani Zip Net