Visite o Pesquisa Gospel

+-

(A+) (A-)

sexta-feira, 10 de agosto de 2012

A casa de Jesus - posicionamento de Renato Vargens e Abílio Santana

Posted by Eliseu Antonio Gomes on sexta-feira, agosto 10, 2012 with 16 comments
Acho importante fazer reflexões bíblicas. Entendo que convém refletir sem jamais levar as coisas para o lado pessoal. A apologia bíblica é feita com a sabedoria do alto, que é praticada usando total imparcialidade e muita moderação (Tiago 3.13-18).

Qualificamos a atuação de um apologista cristão pela maneira que ele faz uso da Bíblia Sagrada.

Recentemente, fiquei surpreso com Renato Vargens, um conferencista cristão. Ele fez uso de um perfil cadastrado no YouTube, identificado como Renato Irans (que é colaborador de um blog escarnecedor de toda a cristandade – o Tela Crente), escreveu o seguinte:

“O cara (Abííio Santana) fundamentou sua pregação num relato apócrifo de que Jesus assumiu aos 12 anos a carpintaria de seu pai e enriqueceu fazendo mesas e cadeiras.” Confira: aqui.

Assista o vídeo e por você mesmo confirme se esta afirmação de Renato Vargens é mentirosa ou verdadeira. Conteúdo da fala em 2:00 até 4:00.

 

Minha análise do conteúdo do vídeo e da preleção:

Abílio Santana, menciona historiadores, diz que Jesus Cristo começou a trabalhar aos doze anos e que economizava o dinheiro de seu salário. Não diz que enriqueceu. Além disso, corretamente, considera que a Bíblia foi escrita em linguagem alegórica, figurativa e literária, para embasar menção do seguinte texto bíblico:

"As raposas têm covis, e as aves do céu têm ninhos, mas o Filho do Homem não tem onde reclinar a cabeça” - Mateus 8.18-20.

Eu já presenciei muitos pregadores interpretarem a passagem de Mt 8.18-20 de maneira errada. Afirmam que Jesus Cristo era uma espécie de andarilho sem-teto. Dizer isso é um equívoco.

É preciso ponderar com moderação, sem apego aos extremos. A afirmação de Cristo refere-se ao ministério itinerante, às idas e vindas de norte ao sul, de leste ao oeste de seu país, anunciado as Boas Novas da salvação. Não podemos afirmar que Jesus Cristo era dono de casarão luxuoso próximo à praia, mas também não podemos afirmar que Ele não tinha um teto para morar.

Para mostrar que Mateus 8.18-20 é passagem com uso de linguagem figurativa, Abílio Santana apresentou o contexto bíblico, que faz menção da residência de Jesus Cristo:

• Mateus 13.1 - “Tendo Jesus saído de casa, naquele dia, estava assentado junto ao mar”.

• Marcos 2.1 - “E alguns dias depois entrou outra vez em Cafarnaum, e soube-se que estava em casa.

• Mateus 4.12, 13 - "Jesus, porém, ouvindo que João estava preso, voltou para a Galiléia; E, deixando Nazaré, foi habitar em Cafarnaum, cidade marítima, nos confins de Zebulom e Naftali"

O preletor Abílio Santana se baseou em Mateus 4.12-13, para afirmar que Jesus era dono de casa de praia: “foi habitar em Cafarnaum, cidade marítima”.

Percebo que muitas pessoas têm uma ideia errada sobre o significado do termo casa de praia. Parece que para eles é pecado ter um teto, e é uma grande iniquidade possuir uma residência à beira-mar. Isso é incrível. Tal raciocínio é fruto de muito fanatismo e alienação ou é o lado mais pérfido da hipocrisia escarnecedora.

Não sou adepto da Teologia da Prosperidade. E costumo brincar com esse tipo de gente religiosa, que costuma ter "arrepios" com a palavrinha prosperidade. Digo-lhes: “Aos que afirmam ser contra a prosperidade, estou apresentando o número da minha conta bancária, num esforço de ajudar vocês a se desfazerem do dinheiro que possuem. Também marcaremos data e hora para irmos ao cartório para transferência de imóveis, automóveis... Tem que ser assim, porque suas posses representam a "maldita prosperidade" e o discurso de vocês precisa estar em paralelo com a prática.”

É claro que jamais nenhuma dessas pessoas, que demonstram sentir arrepios ao ouvirem a palavrinha prosperidade, aceitaram a proposta.

Tudo isto posto, fica aqui a minha sugestão aos internautas. Analise os textos bíblicos citados por Abílio Santana, mesmo que não seja uma pessoa que se simpatize com a maneira dele pregar. Analise também a intenção de quem faz menção de um perfíl ateísta. E ore por ambos.

A apologética cristã é edificante, pois é feita com o uso da Bíblia Sagrada contextualmente. Ela é sempre proativa, aponta o pecado e também a solução ao pecador.

__________

Artigo postado originalmente no blog Belverede

E.A.G.
Reações:

16 comentários:

  1. As postagem não leva em consideração as declarações absurdas que que Jesus oferecia magicamente um produto, que levaria um ano para ser feito, da noite para o dia.

    ResponderExcluir
  2. Meu amado irmão eu também assisti este vídeo e concordo com o que o Adeiton falou considere que o tal pregador disse que Jesus entregava em tempo recorde as tais mesas e cadeiras você não acha isso estranho não? e outra o que ele está fazendo é apologia a doutrina da prosperidade sim!! porque infelizmente é só nisto que a maioria dos cristãos estão pensando e nada de Amar a Cristo e adorá-lo na beleza da sua Santidade independente da situação em que eles estejam.E os tais pregadores descobriram que o povo que ouvir este tipo de mensagem e isto rende bons lucros para eles.

    ResponderExcluir
  3. E outra meu amado pelo que conheço do pastor RENATO VARGENS ele é apologista sim e defende a Palavra de Deus e não é Pentencostal para ser chamado de fanático.

    ResponderExcluir
  4. Nobre irmão J.Nascimento, não entrando no mérito do texto postado no blog, pegou muito mal e destruiu sua argumentação dizer que pentecostais são fanáticos. Já ouviu menção ao termo hiper-calvinismo? Pesquise, vai mudar suas concepções sobre 'fanatismo'.

    ResponderExcluir
  5. Adenilton.

    Caso o preletor tenha afirmado que Jesus Cristo trabalhava na marcenaria fabricando móveis, pelo método de milagres, esclareço que entendo ser essa afirmação uma gafe teológica.

    Por quê? Porque nenhum pregador deve ir além do que o texto bíblico diz. E isso as Escrituras não dizem.

    O vídeo não está completo. Temos apenas uma edição. Assistimos o raciocínio fragmentado, portanto, é impossível ter ciência de qual era o raciocínio do preletor.

    Toda apresentação tem começo, meio e fim, acompanhamos o meio de uma pregação. Isto não é o suficiente para uma avaliação justa.

    Abraço.

    ResponderExcluir
  6. Caro J. Nascimento.

    Assistimos um video que contém uma preleção incompleta. E quanto a isso a minha resposta ao Adeilton é válida para você também.

    Acrescento que não costumo generalizar em nenhuma situação. Ao abordar no texto os críticos contra a prosperidade bíblica (note: não escrevi críticos contra o movimento Teologia da Prosperidade) dizendo que a ação deles é fruto do pior tipo de fanatismo ou da pior espécie de hipocrisia, não me referi aos cristãos em geral. Não fiz referência para grupos teológicos, mas apenas para comportamentos pessoais de alguns.

    A atitude desses críticos não é doutrinária, é um modismo desprovido de base bíblica.

    Não generalizo. Na sentença estão inclusos todas as pessoas que se comportam assodadamente, sejam elas de igreja histórica ou não, calvinista ou não, arminiano ou não, pentecostal ou não...

    Não sou seguidor de Renato Vargens e nem de Abílio Santana. Eu sigo Jesus Cristo e, eventualmente, faço uso da Bíblia Sagrada para avaliar o que eles fazem e dizem. Foi o que ocorreu ao publicar o texto em apreço.

    Ninguém está acima da autoridade das Escrituras Sagradas.

    Abraço.

    ResponderExcluir
  7. QUERIDO IRMÃO ELISEU VOCÊ ESTÁ CERTO QUANDO DIZ QUE NÃO É SEGUIDOR DE NENHUM PASTOR EU TAMBÉM NÃO SOU. QUANDO POSTEI ESTES COMENTÁRIOS FOI COM A PREOCUPAÇÃO QUE TENHO COM O POVO DE DEUS NESTE PAÍS QUE ESTÃO SENDO ENGANADOS POR PESSOAS QUE SÓ PENSAM EM LUCRAR PORQUE É ISTO QUE ESTÁ ACONTECENDO NA MAIORIA DAS IGREJAS DO NOSSO PAÍS,UM DESLIZE COMO ESTE COMETIDO POR ESTE PASTOR TEM UM GRANDE PODER DE ENVENENAR MUITAS MENTES DESPROVIDAS DE DISCERNIMENTO ESPIRITUAL.QUANTO AO QUE O IRMÃO SAMMIS FALOU ACIMA EU ME RETRATO PORQUE SEI QUE NÃO SÃO TODOS OS PENTECOSTAIS,MAS UM BOM NÚMERO QUE SÃO FANÁTICOS SIM! ASSIM COMO TEM CALVINISTAS FANÁTICOS TAMBÉM!MAS A VERDADE É QUE DE VEZ EM QUANDO É PRECISO DIZER A VERDADE A ESTES SEM TER QUE USAR O LINGUAJAR TEOLOGICAMENTE CORRETO PARA VER SE ELES SE ACORDAM E VOLTAM AO EVANGELHO PURO E SIMPLES QUE ESTÁ NA BÍBLIA NÃO QUERO AQUI SER POLÊMICO MAS O QUE EXPRESSO NESTE MOMENTO É UM SENTIMENTO DE AMOR PELAS OVELHAS DO SENHOR QUE ESTÃO A MERCÊ DESTES QUE PARECEM NÃO SE PREOCUPAR COM ELAS SOU ASSEMBLEIANO MAS NÃO CONCORDO COM NADA QUE ESTEJA FORA DA BÍBLIA E TEM MUITA GENTE FORA DELA CREIO QUE EM SUA MAIORIA ASSEMBLEIANOS ESTÁ É MINHA OPINIÃO.UM ABRAÇO A TODOS FIQUEM NA PAZ.

    ResponderExcluir
  8. J. Nascimento 3.

    Eu tenho um razoável conhecimento de teologia. Prefiro usar o linguajar coloquial, informal, embora sempre escreva me guiando por todo o conhecimento adquirido. Nunca sinto necessidade de expressar conhecimentos em meus textos usando terminologias técnicas. Penso que se o propósito é escrever para salvar almas, não é preciso ostentar títulos e diplomas.

    Se realmente há em você amor pelas almas, pregar o dito Evangelho Puro e Simples, então, é preciso envolver-se em ações específicas que representem em 100% este sentimento de amor, pureza e simplicidade. Como fazer isso? Usando as Escrituras, na oratória e na prática diária.

    Um erro nunca justificará outro. Ofensas não despertam almas, torna-as mais distantes. O amor não pratica o mal (Romanos 13.10). No seu caso - já se retratou e tenho esperança que não repita o erro - você ofendeu todos os pentecostais brasileiros. Sou pentecostal e considero-o perdoado.

    Agir com preconceito não é atitude coerente com o sentimento de amor que afirma ter, da pureza e simplicidade que afirmar defender. Tal sentimento não justifica ser um ofensor. Ao invés de ajudar a livrar almas supostamente carentes do suposto erro em que acredita que elas estão, torna-as mais distantes. A dureza de palavras provoca nelas a raiva contra você e contra o que está defendendo: “A resposta branda desvia o furor, mas a palavra dura suscita a ira” – Provérbios 15.1.

    Todo grau de fanatismo é um erro. Você não concorda com Abílio Santana, através da perspectiva da observação de em um pobre recorte de vídeo, e fez uso da Internet para ofender os pentecostais por causa desse vídeo. Cuidado, amigo. A fonte que bebeu (o recorte de vídeo do Renato Irans) é produção de um ateu. Você e o Renato Vargens beberam dessa fonte ateia, quando deveriam apenas usar as Escrituras Sagradas. Trocaram a Palavra por um perfil ateu! Esqueça, repudie sempre os produtos de Renato Irans! Pode sair água doce de fonte amarga? Não, é o que afirma o apóstolo Tiago (3.11).

    É importante fazer uso da Palavra de Deus como regra de fé e conduta, inclusive ao fazer apologética. Os fins jamais justificarão os meios. Mesmo que a intenção seja a melhor de todas, desprezar a Palavra de Deus sempre será pecado, quem a despreza perecerá (Provérbios 13.13).

    A comunicação eficaz é aquela em que é dito tudo o que é preciso e a mensagem é plenamente entendida por quem ouve ou lê. Considero deslize usar fontes sem checá-las antes, porque a citação de fontes é o mesmo que dar prestígio a elas. Será que a intenção de Renato Vargens é prestigiar ateus e o movimento ateísta? Acho que não... Sinceramente, tenho esperança que Renato Vargens tenha deslizado ao fazer uso de produção de Renato Irans, e não cometido ação consciente ao usá-la.

    ResponderExcluir
  9. J. Nascimento, sua condição é humana. Você não deve confiar em seu coração, ele é extremamente corrupto e pode enganá-lo. Amigo, não confie planemente em seu coração e no de terceiros, não creia que você possui a noção exata de tudo o que acontece além do alcance de seus olhos. Acredita que os cristãos estão sendo enganados por líderes que só pensam em dinheiro? Não considere esse pensamento como um fato constatado. Só Deus é onisciente e sabe de tudo. (Jeremias 17.5-9).

    Sobre o ateu Renato Irans, medite nisso: “Não vos deixeis levar em redor por doutrinas várias e estranhas, porque bom é que o coração se fortifique com graça, e não com alimentos que de nada aproveitaram aos que a eles se entregaram” - Hebreus 13.9.

    Esqueça fontes da espécie Renato Irans, afinal você mesmo diz que não concorda com nada que esteja fora da Bíblia!

    Por que usar fonte produzidas por ateus? Ateus não são capazes de salvar nem a eles mesmos! Salmo 14.1; 53.1.

    Você se apresenta como assembleiano e diz acreditar que a maioria dos irmãos assembleianos são cristãos que estão fora da Bíblia Sagrada (acho que quis dizer que assembleianos não são cristãos praticantes das Escrituras). Embora acredite que a maioria dos assembleianos não pratique o Evangelho, nunca generalize. As generalizações são sempre injustas e os injustos não entrarão no céu (1 Coríntios 6.9).

    Você diz ter preocupação com o povo de Deus no Brasil e não querer ser polêmico. Ótimo! Para isso, acho importante afastar-se de blogs que fazem uso de escárnios. Ironizar é praticar ação escarnecedora e convém não se assentar com escarnecedores (Salmo 1).

    Jesus é o Sumo Pastor das ovelhas e continua a cuidar de todas elas. Confie nEle e ao mesmo tempo use unicamente a Bíblia Sagrada para combater o pecado. É a Palavra de Deus que alimenta, sustenta, traz às almas o discernimento espiritual necessário. Salmo 119.105; Jeremias 23.29; 2 Timóteo 2.15; Hebreus 4.12.

    Abraço.

    ResponderExcluir
  10. Meu comentário é o seguinte:
    Porque não segue que segue este Blog?
    Quer dizer alguns,
    Tempo?
    Se, tempo for a questão nada me adiantaria ter um blog
    se eu não posso me fazer presente. Eu penso assim e ajo assim também.
    Qual é a do blog?
    Só expor idéias? Só isso?
    O ser humano vem em primeiro lugar.
    Não aceito seguir quem não me segue.
    Afinal de contas, dá IBOPE pra quê??
    Blogar é uma parceria, eu sigo, tu me segues,
    Boa semana
    Eu! Leilinha

    Ps; Sigo este blog, porque acho interessante os assuntos, eles me interessam, mas também gostaria de ser levado em conta, seguir-me também, ok?
    E olha que sigo este blog por outros perfis meus, e...

    ResponderExcluir
  11. Amados irmãos,

    Também vi esse vídeo, já fazem alguns dias.

    Sinceramente achei um absurdo e que me desculpem os defensores da "teologia da prosperidade".

    Penso que tal ensino, anda muito longe da essência do evangelho, mas busca atrair os "peixes" com a propaganda enganosa oferecendo-lhes "NA PRÁTICA", verdadeiras migalhas de satanás, reduzindo inclusive suas pretensões, às coisas banais que não levam a grandes realizações, e muito menos podem trazer satisfação e contentamento do ponto de vista espiritual.

    Precisamos entender que o que de fato vale a pena mesmo é viver na presença de Deus e ter comunhão com o Todo Poderoso e não ter um carro ou uma casa.

    Logo, não pode ser correto, convidar um pecador: Seja um crente porque assim vc será rico, terá casas, carros, etc. Essa inversão faz o inimigo dar gargalhadas...

    Ora, a riqueza é ter Deus é ter Cristo como Salvador, orientador, ensinador, etc, e assim o pecador deve ser informado.

    e obviamente essas migalhas que tanto se oferecem por aí a fora, virão compor a vida do crente (mt. 6.33).

    Ja vi alguns pregadores dizer: "Vou ser servo de Deus porque Ele é rico, é o dono de tudo".

    Parece para esses que o que importa são os bens materiais de Deus.

    Penso que Deus fica triste com esses filhos, e pensando: "Eles não me querem, mas querem o que tenho".

    A essência do evangélho é buscar 24 hs por dia a presença de Deus, é procurar fazer a Sua vontade como nos ensinou tanto nosso Senhor Jesus E AÍ SIM.... VAI SER MARAVILHOSO usufruir sempre de todos os bens de nosso Senhor, inclusive, casas, carros, etc.

    e afinal... quem vive na presença de Deus não tem falta de absolutamente nada.

    QUANTO ÁS COLOCAÇÕES ABAIXO,:

    "Eu já presenciei muitos pregadores interpretarem a passagem de Mt 8.18-20 de maneira errada. Afirmam que Jesus Cristo era uma espécie de andarilho sem-teto. Dizer isso é um equívoco.

    É preciso ponderar com moderação, sem apego aos extremos. A afirmação de Cristo refere-se ao ministério itinerante, às idas e vindas de norte ao sul, de leste ao oeste de seu país, anunciado as Boas Novas da salvação. Não podemos afirmar que Jesus Cristo era dono de casarão luxuoso próximo à praia, mas também não podemos afirmar que Ele não tinha um teto para morar."

    NÃO VEJO DESSA FORMA.

    Ora, raposas e aves do céu nos falam de espíritos imundos, e o senhor nos ensina aí que o inimigo sempre acha espaço para suas ações, no entanto, JESUS CRISTO, QUE NESSE CASO É A PRÓPRIA PALAVRA DE DEUS, encontra muito mais dificuldade para repouso ou para achar um coração que lhe aceite de verdade.

    Isaias 53.1; João 7.5; Mt 7.13,14; 21.13; 24.38,39.

    Logo, não creio que o Senhor, nos falava no citado texto sagrado(mat. 8.18-20) de coisas materiais.

    QUANTO AOS IRMÃOS OU AMIGOS QUE PROTAGONIZARAM O VÍDEO EM QUESTÃO, PRECISAM DE FATO DE NOSSAS ORAÇÕES, MAS SOBRETUDO AS PESSOAS QUE SE ALIMENTARAM E SE ALIMENTAM DE TAIS ENSINOS.

    Um forte abraço a todos

    ResponderExcluir
  12. para que fazer conjetura?,para que ir além do que está escrito? tenho visto pregadores trazendo inovaçoes com o fim chamar atenção para algo novo mas extra bíblico e perigoso , é o fim dos tempos mesmo..

    ResponderExcluir
  13. É lamentável entrar em algumas de nossas igrejas e perceber que ali não é mais pregado o Evangelho da Cruz. Ver que heresias como Cair no Espírito, Unção do Riso, unção disso e daquilo é mais importante que a verdade que liberta!
    Com o surgimento das igrejas neopentecostais o caso piorou. O misticismo e o sincretismo invadiram de forma avassaladora nossos arraiais e a busca é intensa, só por poder, poder e poder…

    Transformaram o sentido das coisas…
    Ser Pentecostal! O que seria isso?
    Eu sou de uma Igreja classificada como ‘Neopentecostal’, mas felizmente não tão ‘pentecostal’ como algumas por aí, onde as pessoas caem desacordadas no chão, correm atrás de anjos e saem fazendo aviãozinho.

    Confesso que às vezes fico triste ao ver o pensamento de alguns irmãos sobre o que é ser um crente Pentecostal e Avivado! Avivamento virou sinônimo de descontrole emocional!
    O Evangelho foi deixado de lado há muito tempo em algumas igrejas e por isso a EMOÇÃO tomou de conta, a RAZÃO não tem mais espaço e o culto deixou de ser algo consciente!

    Pra muita gente ser PENTECOSTAL é ser do Reteté…
    Caso seja, eu não sou Pentecostal!
    Se ser avivado é pular, gritar, imitar animais, correr desesperadamente na igreja atrás de anjos, rir sem parar, engatinhar no chão e fazer aviãozinho, eu chego a conclusão de que sou um crente gelado!

    As pessoas preferem ser vazias ao examinar as escrituras… É tão simples, a Bíblia está acessível a “todos”. Mas é mais cômodo acreditar em tudo que se ouve na igreja ao ser um Crente Bereano.
    Eu prefiro ser “frio” ao ser um pentecostal vazio. Eu prefiro ser “gelado” ao ser um avivado sem amor.

    Se ser pentecostal é ser dominado pelas minhas emoções, é fazer e agir sem consciência e não ter conhecimento da verdade que liberta…
    Não, eu NÃO SOU PENTECOSTAL! 1Co 1:10 Irmãos, peço, pela autoridade do nosso Senhor Jesus Cristo, que vocês estejam de acordo no que dizem e que não haja divisões entre vocês. Sejam completamente unidos num só pensamento e numa só intenção.
    1Co 1:11 Pois, meus irmãos, algumas pessoas da família de Cloé me contaram que há brigas entre vocês.
    1Co 1:12 O que eu quero dizer é isto: cada um de vocês diz uma coisa diferente. Um diz: “Eu sou de Paulo”; outro, “Eu sou de Apolo”; outro, “Eu sou de Pedro”; e ainda outro, “Eu sou de Cristo”.
    1Co 1:13 Por acaso Cristo foi dividido em várias partes?

    ResponderExcluir
  14. Tudo muito estranho...
    Sou cristão da igreja assembléia de Deus.
    Sabem o que acho?Aparentemente,nos nossos dias, existem dois tipos de classes de cristãos:Aqueles que acreditam em DEUS e aqueles que acreditam em JESUS.A classe que acredita em DEUS acreditam que ele é o dono do ouro e da prata,que ele é o SENHOR dono de tudo,que tem o poder de dá e tirar de quem ele quiser...Já a outra classe que acreditam em JESUS,acham que crente não pode ter nada,que se JESUS era pobre,eles também devem ser pobres,aparentemente acreditam que JESUS não prospera ninguém e que sempre foi contra as riquezas.
    JESUS não é DEUS?se riquezas conduzem o homem para o inferno,onde estará JÓ um dos que foi mais ricos da terra?quem deu riquezas a JÓ não foi DEUS?onde estarão Abraão,Isaque e Jacó?eles não eram ricos?Jesus não teve um discípulo rico chamado José de arimatéia?JESUS exigiu de de José de arimatéia o mesmo que exigiu do jovem rico?
    ou será que DEUS deixou de ser o dono de tudo,inclusive do ouro e da prata?
    Que absurdo!é porisso que tem muitos crentes vivendo uma vida miserável,pois vivem limitando o poder de DEUS.
    Heliano costa.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Caro Heliano,

      Seu modo de analisar a situação sobre como os evangélicos se posicionam na questão das riquezas é interessante.

      Existem alguns aspectos que precisamos considerar:

      1. Buscamos e amamos a Deus em primeiro lugar, ou temos Deus em nosso coração no mesmo patamar das riquezas, ou até abaixo das riquezas? Quem preconiza a Teologia da Prosperidade corre o risco de desprezar ao Senhor e ser mais materialista que espiritual.

      2. O que é mais importante para nós? A bênção ou o Abençoador? Quem busca ao Senhor apenas com a ideia de ser servido do que ser servo precisa tomar cuidado. As coisas desse mundo passam, Deus é eterno.

      Jesus nos ensina a amar a Deus em primeiro lugar, buscar seu reino e a sua justiça, e afirma que ao adotar estas duas prioridades as coisas necessárias nos serão acrescentadas.

      Mateus 6.33 não é um incentivo a viver em pobreza, é um alerta importante contra estar em ansiedade e em ganância exagerada. Pois é preciso confiar em Deus em tempos de crise, sabendo que Ele não deixará faltar alimentos e vestuário, e é preciso ser fiel a Deus em tempos de abastança, como nos ensinou Paulo em Filipenses 4.12.

      Abraço.

      E.A.G.
      http://belverede.blogspot.com.br


      Excluir
  15. Graça e Paz!

    Então quer dizer que Jesus usou seu poder divino para tirar vantagens e depois comprar uma casa na praia? Desculpem, mas o Nazareno não cometeria tamanho pecado. a Bíblia ensina que não se pode fazer uso dos dons do Espírito Santo para benefício próprio. E o poder de Jesus provinha do Espírito. (Sem falar no grave erro exegético desse famoso pregador). Infelizmente nós, pentecostais, estamos absorvendo qualquer coisa que saia da boca de "medalhões" só por causa de seu currículo.

    ResponderExcluir

Ensina-nos a contar os nossos dias, de tal maneira que alcancemos corações sábios - Salmos 90.12.

▬▬▬▬▬▬▬

Seu comentário é muito importante para nós da UBE Blogs - União de Blogueiros Evangélicos. Portanto, comente com responsabilidade.

Atenção: Não serão aceitos comentários:

1) Ofensivos
2) Anônimos
3) Em CAIXA ALTA.

Administração UBE Blogs

Postagens populares nos últimos 7 dias

Postagens mais acessadas

Conexão de amizades

Google+ Followers

Categorias

abaixo-assinado Aborto ação coletiva Aconselhamento Pastoral Acordo Ortográfico Adoração Africa alerta Altair Germano ANAJURE ansiedade Antonio Flávio Pierucci Apologética Arminismo e Calvinimo Arrecadação de Impostos artte assuntos atuais Ateísmo atitudes audio-books barbárie Belverede Bíblia Bíblia de Estudo Bibliotecas virtuais biografia Blog do Momento Blogagem Coletiva blogagem profética Blogger Blogosfera Cristã blogueiros Boicote Brasil Cadastro Campanhas Caramuru Afonso Francisco Carla Ribas Carlos Eduardo B. Calvani Carlos Nejar Carlos Roberto Silva Carnaval cartunista cristão casamento cenas da vida CGADB charge Charles Péguy cidadania Cinema Cintia Kaneshigue clamor Como criar e editar um blog? comportamento Comunicados Concurso no blog Concursos conectados em oração Consciência Cristã conscientização Contribuição conversão copa 2014 corporativismo corrupção cosmovisão cristã CPAD CPAD News Creative Commons crianças crianças desaparecidas crime criminalidade Cristofobia Culto de Missões debate Denúncias dependência de Deus Desafiando Limites Desaparecidos Desarmamento Desastres Naturais Descriminalização da maconha Deus. devocional Dia da Bíblia dia da mulher Dia das Mães Dia de Missões Dia dos Namorados Dia dos Pais Dicas dinheiro direitos humanos discurso Divulgação Domingo da Igreja Perseguida dons espirituais Dr. Luis Pianowski Drogas DVD e-book EBD Ecologia e Natureza Editorial educação Eleições Eleições 2014 Eliseu Antonio Gomes ENBLOGUE Enquete ensino Entrevistas Escatologia Escola Dominical Escrita Esdras Costa Bentho Esperança Esportes estatísticas Estudos Etica Etica no Blogar Evangelho Evangelismo Evento exegese bíblica Facebook Família família Cristã Felipe M Nascimento Fidelidade e Infidelidade conjugal filhos filme Filosofia fim do mundo formação de opinião frases e citações Frida Vingren futebol Game Geisa Iwamoto Genivaldo Tavares de Melo George Soros Geremias do Couto Geziel Gomes gif Google Friend Connect Google Plus (G+) governo Graça Guerra Cultural Gutierres Siqueira Haiti Hinários História Holocausto homilética HQ Humor idosos igreja Igreja Perseguida Imagens Cristãs inspiração Integridade Moral e Espiritual Intelectualidade Interatividade intercessão internet Internet Evangélica intolerância Islamofobia Izaldil Tavares de Castro J.T.Parreira Jairo de Oliveira Japão jejum Jesus: O Homem Perfeito Jesus. João Cruzué jogos eletrônicos Johann Sebastian Bach José Wellington Bezerra da Costa Judeus judiciário Júlio Severo Jurgen Moltmann justiça juventude Kelem Gaspar legislação LGBTS liberdade de expressão liberdade de imprensa lição de vida Lições Bíblicas Adulto Lições Bíblicas Jovens liderança literatura livro digital Livros Louvor Lucas Santos Luis Ribeiro Luiz Sayão maconha Magno Malta manifestações copa manisfestação Mantenedores UBE Blogs Manual da UBE Marco Feliciano maridos Marina Silva Mark Carpenter Marl Virkler Marta Suplicy Martinho Lutero mártires Maya Felix Meios de comunicação mensagem mentira Missão Missão Integral missiologia missões morte Motivação mulheres música namoro Natal Nazismo Nietzsche Notícias objetivos opinião oração orientação Orkut ortodoxia Pablo Massolar papel de parede parábola páscoa passatempos pastores Paul Tripp Paul Washer pecado pecaminosidade pena de morte perdão Perseguição política Perseguição religiosa Pinterest PL 122/2006 Plágio planejamento planejar PNDH - 3 poder de Deus Poesia polêmicas Política Pornografia portas abertas Português pregação e pregadores Primavera de Sara profecia profecias maias profeta Promoção Protestantes protesto Rankings Recursos Redes Sociais Reflexão Reforma Protestante remissão Repúdio ressurreição Retrospectiva Revista Cristã REVISTA FORBES Robin Willians Ronaldo Côrrea Sammis Reachers Saúde Pública SBB Selos Senado Federal SENAMI Sentido da vida Sidnei Moura Silas Daniel Silas Malafaia sociologia Sorteios STF suborno super-crente Teatro Tecnologias Televisão Templates teologia Teologia Brasileira teologia da prosperidade testemunho Tim Keller trabalho escravo tradução Tráfico Humano tráfico sexual tragédias tribulações triunfalismo tutoriais Twitter UBE UBE 2007 UBE 2008 UBE 2009 UBE 2010 UBE 2011 UBE 2012 UBE 2013 UBE 2014 UBE 2015 UBE 2016 UBE NA MÍDIA UBEbooks UOL utilidade pública Uziel Santana vaidade Valmir Nascimento Milomen viagem missionária vício Victor Leonardo Vida Cristã vida eterna vida real vídeo Viktor Frankl VINACC Vinicius Pimentel voto voto evangélico Wagner Santos Wallace Sousa wallpaper Wellykem Marinho Wesleianismo Wilma Rejane Wordpress Yosef Nadarkhani Zip Net